O futebol, no Brasil, não pune ninguém

Edmo Sinedino,

O futebol, minha gente é uma loucura. Se a gente conseguisse provar, juridicamente, 10 por cento de tudo que ficamos sabendo de bastidores muita gente seria impedida de passar até na porta dos clubes de futebol.

Vocês já pararam para pensar quantos safados já fizeram fortuma, fama, carreira política, etc às custas dos clubes do Brasil? São tantos os nomes. Diga um ex-presidente do Flamengo pobre. Pode ser do Vasco ou Botafogo, ou mesmo qualquer clube do Brasil. Não tem.

São muitos os casos de "zés ninguém" que se locupletaram. Uma lista enorme misturando passado e presente. Muitos passaram sem que a Justiça sequer tomasse conhecimeto de seus feitos, outros são considerados, até, beneméritos dos clubes, enfim.

Os mais famosos Márcio Braga, Cléber Leite, Augusto Montenegro (o do Ibobe), Vicente Matheus, Mustafá Contursi, Charles Borer, Castor de Andrade, Eduardo Viana, o "Caixa Dágua", Fábio Koff, Eurico Miranda, Francisco Horta, Zezé Perrela, Alexandre Kalil, Andrés Sanchez.

Muitos deles já foram citados em escândalos, alguns respondem, até por crimes, mas estão aí, seguindo firme e forte na estrada, talvez no terreno menos perigoso de todos: os clubes de futebol. Não existe, na maioria, nenhum caso de investigação, punição para irregularidades.

Muitos destes dirigentes deveriam sim, se houvesse um mínimo de Justiça, pagarem por penas, não se enganem, longas, nas prisões de seus estados.

Os clubes, pobres clubes, cada dia mais pobres. Até quando? E nem quero entrar no assunto CBF e federações estaduais.



Dia Nacional da Pessoa com Deficiência

Edmo Sinedino,

sadef1_09Dia Nacional da Pessoa com Deficiência

Sadef comemora data com inauguração de “nova” sede

Salas foram ampliadas e outras construídas com ajuda de doações. Inauguração será no sábado, 22, Dia do Atleta paralímpico

Nesta sexta, 21 de setembro, se comemora em todo o país o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. A data foi instituida por Lei Federal em 2005, para marcar um movimento social que nasceu com o intuito de garantir a participação plena em igualdade de condições das pessoas com deficiência. Algumas conquistas surgiram de lá para cá, como a criação da Convenção dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a Lei Brasileira de Inclusão.

Segundo o IBGE, 45 milhões de brasileiros tem algum tipo de deficiência, seja visual, auditiva, motora e mental ou intelectual. Isso representa 23,9% da população. Em Natal, essas pessoas contam com o apoio da Sadef – Sociedade Amigos do Deficiente Físico, que há mais de duas décadas, atua na busca da inclusão social, principalmente por meio do esporte. 

“Hoje atendemos cerca de 200 deficientes, da capital e outras cidades do Estado, em várias modalidades esportivas. A prática do esporte inclui, também porque desenvolve a capacidade e a auto estima dos nossos atletas. Muitos se sentiam excluídos e desmotivados por causa da deficiência. O esporte muda a vida deles”, diz Tercio Tinoco, presidente da associação, cadeirante e atleta do tênis de mesa.

Entidade civil sem fins lucrativos, a Sadef é mantida com patrocínios financeiros da Caern e Bomporte Produtos Ortopédicos, e muitas parcerias. “Temos muitas ajudas que possibilitam a oferta desses serviços, mas poderíamos fazer muito mais. Infelizmente, o dinheiro que entra ainda é pouco para todas as necessidades, mas não desistimos”, afirma Tercio.

Tanto que recentemente a Sadef fez uma campanha entre amigos e nas redes sociais para arrecadar fundos para a reforma da sede, que funciona num prédio cedido pelo Governo do Estado no Caic de Lagoa Nova. A inauguração será no sábado, 22, às 9h, quando também se comemora o Dia do Atleta Paralímpico. Foram ampliados o escritório, academia de halterofilismo, sala de fisioterapia e estacionamento. Além disso, novas salas foram criadas: para médico, psicóloga, nutricionista, diretoria, academia do tênis de mesa e um auditório para 80 pessoas. “Estamos todos muito  felizes. Já precisávamos dessa ampliação faz tempo. Nossa demanda só cresce e não deixamos de atender quem nos procura”, festeja o presidente. 

Quem quiser ajudar a Sadef, pode fazer as doações no Banco do Brasil, agência 3777-X, conta corrente 37.797-X, ou se informar pelos telefones 3027-1834 ou 98897-1834. O presidente  ainda faz um convite: “Também estamos sempre de portas abertas para mostrar aos interessados o nosso trabalho. Quem nos conhece sabe da importância de tudo que oferecemos aos nossos atletas. Estão todos convidados a nos fazerem uma visita”.

*Fotos: Divulgação/Assessoria

sadef32_09


Irresponsabilidade

Edmo Sinedino,

Fico vendo a irresponsabilidade de alguns. Impressionante o que não se faz para garantir os trocados de final do mês, muitas vezes a manutenção de nomes em folhas de pagamento sem uma prestação de serviço de verdade.

Me preocupo com as equipes potiguares. Qual será o futuro de ABC, América, Alecrim, Globo, entre outros, num futebol falido, combalido, sem investimento?

Mais difícil ainda quando a direção de um clube comete irresponsabilidades. Aí, lembro do América dos anos 1990/2000. Uma infinidade de ações trabalhistas, uma bola de neve que se arrastou por muitos anos.

Jogadores entraram com o clube na Justiça do Trabalho, uns, oportunistas, vagabundos, useirs e veseiros desse tipo de golpe, outros, não,  merecidamente.

Nem se essa realidade é realmente passado no América, espero que seja. Foi um tempo  que se temeu até o licenciamento.

Hoje, minha preocupação é o ABC. Propagam de forma irresponsável, não sei se a mando da direção ou por conta própria, que o ano de 2019 vai encontrar um ABC bem mais ajustado financeiramente.

Balela! Perigosa balela. Como um time pode entrar bem o ano financeiramente com a quantidade de dívidas trabalhistas que o ABC enfrenta, outras que estão chegando, e tantos compromissos para pagar.?

Como o ABC pode entrar 2019 com  mais poder de investimento em contratação (infelizmente, isso sempre é prioridade para imbecis) de "grandes nomes" se não tem dinheiro sequer para fazer a manutenção, de verdade, necessária, em seu estádio?

A notícia mais preocupante é de que a atual diretoria resolveu não honrar acordos feitos pela diretoria passada, já falei sobre isso em postagens anteriores. É  como se houvessem dois clubes ABC.

E o caso Geninho? Como se pode ignorar a dívida considerável com o treinador que conseguiu o acesso à Série B em 2016?

Falam em nomes. Claro que não é verdade. O ABC não tem nomes, até porque, se tiver, não passará de apostas pois a concorrência é muito grande por bons jogadores e o alvinegro potiguar, mesmo com a representatividade que tem, covenhamos,  vai disputar um Estadual deficitário.

No afã de elogiar a direção atual e atacar insanamente a gestão de Judas Tadeu e Leonardo Arruda, factóides são criados, ilusão para o torcedor que ele pensa ser tolo. O torcedor não é tolo.

O torcedor sabe ler intenções.

Portanto, falemos com responsabilidade. O ABC tem problemas financeiros seríssimos, acumulados desde que trouxeram um tal de Rodrigo Pastana, que inchou o plantel e rebaixou a equipe, numa administração, aquela sim, desastrosa, com consequências até os dias atuais.

E se não houver transparência e uma união de verdade, daqueles que amam o clube de verdade, o futuro do clube de maior torcida é muito nebuloso.

E o ABC, assim como o América, estando mal, estamos, todos, muito mal.



América goleia o Visão Celeste e conquista Estadual Sub 19

Edmo Sinedino,

america123_09Todos se voltando para o Sub 19. Às vezes, males vêm para o bem. Nunca se deu tanta atenção às bases, e também à Segunda Divisão.

Os nossos clubes em baixa, fora da temporada, amargando crises, por isso o foco na meninanda. Pelo menos esse lado positivo.

Nesta quinta-feira, na Arena, tivemos um América diferente. Nada de encolhimento, nada de tentar ganhar por uma bola. 

Um jogo de verticalidade, premiado com gols, dois de bola parada, tudo bem, mas saídos de uma maneira diferente de jogar.

Que bom.

América, bi, de forma merecida. Apresentou um futebol que ainda não tinha mostrado aos torcedores, e eles ficaram felizes.

Veja abaixo matéria do site do América:

América goleia o Visão Celeste e e conquista bicampeonato Estadual Sub-19

Foco da equipe comandada pelo técnico André Luiz se volta para a Copa do Nordeste Sub-20

Thumb img 6755O Alvirrubro foi impecável na decisão do Campeonato Estadual Sub-19, disputada na tarde desta quinta-feira (20), na Arena das Dunas. A vitória por goleada sobre o Visão Celeste coroou a grande recuperação demonstrada pela equipe que esteve ameaçada de não chegar as semifinais, tirou o maior rival com uma vitória dentro de seus domínios e se mostrou superior à equipe adversária na final, batendo-a por 4 a 1 com gols de Leandro (2), Fred e Rennan, tendo Zé Eduardo descontado.

O resultado garantiu o Bicampeonato ao América que, no geral,  somou 25 pontos. Conquistou 8 vitórias e 2 empates, tendo sido superado em apenas 3 oportunidades. Em toda competição o Alvirrubro marcou 28 gols e sofreu 8, terminando com saldo positivo de 20.

Agora o foco é a Copa do Nordeste Sub-20, prevista para novembro.

*Foto: Canindé Pereira/AFC


Potiguar de Futsal terá rodada decisiva das quartas de final

Edmo Sinedino,

A Liga Norte-rio-grandense de futsal realiza, com sucesso, o Campeonato Potiguar de Futsal. Depois de jogos memoráveis na fase de classificação, oito equipes se credenciaram para às quartas de final.

No último sábado (15) foram realizados os duelos do confronto de ida. E neste sábado )22)conheceremos os semifinalistas.

O destaque maior ficou por conta da seleção de Angicos que, mesmo jogando fora de casa, construiu o espataclar placar de 10 a 3 diante de Patu.

O clássico das praias, Touros e Macau terminou 3 a 3. A partida em Macau, neste sábado o ginásio vai incendiar.

O PAEC de Pedro Avelino, mesmo jogando diante de sua torcida, perdeu para Messias Targino de 4 a 3, e tem a missão de reverter esse placar fora de casa.

Em Itajá, o time da casa venceu Barra de Maxarangaupe de 3 a 1, joga pelo empate em Barra na rodada.

Segundo o regulamento, saldo de gols não define. Quem venceu na primeira rodada tem a vantagem do empate, vitória de casa equipe leva a decisão para os pênaltis.

Na fase final, da mesma forma, só que, a igualdade vai ter uma prorrogação, permanecendo sem alteração, cobranças de tiros livres diretos.

O presidente da LNF, Severino Martins, tem elogiado muito a dedicação dos desportistas, a presença do público e o apoio incondicional das prefeituras aos jogos.

O futsal do RN, aos poucos, respira e começa a ter uma movimentação maior.


Atleta da Sadef brilha nos jogos da Juventude em Parnamirim

Edmo Sinedino,

atsadef_09A jovem nadadora Aparecida Vitória brilhou nos Jogos da Juventude Escolar de Parnamirim, realizados nesse fim de semana. 

A atleta, que estuda no IFRN e também representa a Sadef (Sociedade Amigos do Deficiente Físico) encerrou a competição com duas medalhas de ouro, e um tempo excelente nos 50 metros livre. 

No próximo dia 22, Aparecida cai novamente na piscina, na disputa do Campeonato Estadual de Natação.


Não tem favorito na decisão entre América x Visão Celeste

Edmo Sinedino,

América e Visão Celeste decidem o Sub-19. Já falei várias vezes que o melhor time dessa categoria era o ABC, mas ficou em terceiro.

O treinador rubro diz que o Visão Celeste é favorito, é não. Nesse jogo não tem. Basta ver os números na boa matéria do site da FNF.

Vale a pena conferir. O horário não me permite assistir, mas verei depois as imagens. A equipe da Tevê Assembleia vai cobrir a partida e mostramos os detalhes à noite no Esporte em Pauta.

Veja abaixo:

América e Visão Celeste decidem o Campeonato Potiguar Sub-19

Final acontece nesta quinta-feira (20) na Arena das Dunas, às 15h. Torcedor pode acompanhar o duelo trocando o ingresso por 1 kg de alimento não perecível

A decisão do Campeonato Potiguar Sub-19 Loterias Caixa 2018 acontece nesta quinta-feira (20), às 15h, na Arena das Dunas, em Natal. Em campo, América-RN e Visão, equipes que se enfrentaram na primeira fase da competição e que, desta vez, farão o confronto final do torneio. 

O jogo terá transmissão da TV FNF e o torcedor pode acompanhar a partida pelo site www.fnf.org.br. A competição foi iniciada no dia 23 de junho, com 13 equipes em disputa, divididas em quatro grupos.

No duelo pela tão sonhada taça, as equipes chegam com índices técnicos semelhantes. O América-RN conquistou 7 vitórias, 2 empates e 3 derrotas, enquanto o Visão Celeste possui 7 vitórias, 1 empate e 4 derrotas.

No confronto direto, uma vitória para cada lado – 1 a 0 para o Visão Celeste, com gol de Bruno Souza; e 2 a 1 para o América-RN, com gols de Álvaro e Rennan para o Alvirrubro, com José Eduardo descontando para o Visão. Os dois jogos ocorreram na primeira fase da competição, no Estádio Juvenal Lamartine.

Para acompanhar a decisão, o torcedor precisará trocar o ingresso por 1 kg de alimento não perecível, que será revertido para instituições de caridade da capital potiguar.

A arbitragem da decisão será comandada por um quarteto da Ceaf/RN. O árbitro principal será Diego Leonardo Coutinho; os assistentes de arbitragem serão Walber Bruno Albuquerque e Matheus Lacerda Lemos; e o quarto árbitro será Daniel Medeiros Calazans.

SERVIÇO:

Decisão do Campeonato Potiguar Sub-19 Loterias Caixa 2018

Quinta-feira (20 de setembro)

América-RN x Visão Celeste

Arena das Dunas, às 15h

Entrada: 1 kg de alimento não perecível



Os candidatos sequer falam de esportes em seus programas de governo

Edmo Sinedino,

Ontem, no Jornal da 96 FM, comentei, lembrado por Diógenes (Dantas), a total falta de atenção que os candidatos a governo de nosso Estado demonstram com relação ao esporte.

Verdade. O esporte, que eu tenha visto, não é contemplado por nenhum em seus, divulgados, programas de governo.

Eu acompanho esse descaso desde muito. Houve um tempo em que eu esperava os discursos de posse - prefeitos e governadores - para contar, anotar, quantas vezes era falada a palavra esporte.

Nunca, em nenhum dos eleitos, que eu me lembre.

O esporte, disso tenhocerteza, ao lado da educação, e boa base familiar, é um aliado fortíssimo no combate aos descaminhos da juventude.

Conheço casos de jovens que foram salvos, pelo esporte, das drogas, do roubo e até mesmo do suicídio, aproveitando o nosso Setembro Dourado.

Isso mesmo, até do suicídio. Um jovem que conheci tinha tendências suicidas, foi encaminhado para o judô, e nunca mais teve problemas.

Fico imaginando, Natal com quatro pólos formadores de atletas, um para cada região, vila olímpicas atendendo diversas modalidades.

Parece impossível? Balela, mentira, falta de interesse de quem afirmar. Um investimento ínfimo tornaria esse projeto viável.

Como? Colocando os professores da redes públicas para dar aula e cobrar, claro, oferecendo recompensas e condições.

O nosso esporte se resume, podem ver, em torneios enganadores de futebol, quase sempre só futebol, normalmente em tempos de campanhas ou coisas parecidas.

Um grande envolvimento da sociedade, desportistas, centros desportivos, federações, poderia sim tornar esse sonho possível.



O voto dos jogadores de futebol

Edmo Sinedino,

O que essa equivocada turma do STJD tem a ver com voto? O jogador de futebol é um cidadão comum e pode, se quiser, declarar seu voto, seu apoio, e daí.

Essa cretinice faz com que formemos cada vez mais jogadores absolutamente despolitizados, ignorantes, tipos Ronaldo Nazário, Neymar, Bebeto e tantos outros, inclusive o Romário, candidato a governador do Rio.

Parece piada. Romário, envolvido em toda espécie de coisa irregular, que já esteve preso por não pagamento de pensão, de repente, candidato a governar a bagunça que está o Rio.,

Voltando ao voto, ótimo que os jogadores se pronunciem, assim fica até mais fácil para algums eleitores indecisos saberem quem devem ou não seguir.

O profissional de futebol é um cidadão como outro qualquer, e que precisa saber a importância da política em sua vida.

Quem vai com Felipe Melo?

Quem ia com o doutor Sócrates, Afonsinho, entre outros? 

Por aí.



Inter perde para a Chapecoense e São Paulo continua líder

Edmo Sinedino,

O Internacional perdeu para a Chapecoense, 2 a 1, de virada, na Arena Condá, e deu a chance do São Paulo, que empatou com o Santos, 0 a 0, continuar na liderança da competição.

Com os três marcados na décima partida da rodada de número 25, fica o registro de mais uma sem atingir, sequer, a marca dos dois gols por partida.

Foram marcados 19 gols nas dez partidas, média de 1,9, talvez num dos campeonatos de menor média de nossa história.



Moura está fora do América; futebol ingrato

Edmo Sinedino,

moura2_09Moura, Carlos Moura Dourado, um dos ídolos eternos da história do América encerrou seu vínculo com o clube.

As partes, segundo informação de assessoria, realizaram um acordo amigável. Duvido que Moura não tenha mágoa.

Afinal,  seu trabalho no clube foi sempre relegado a segundo plano, sempre muito atrapalhado pelos "entendidos" de ocasião.

Cordato, simples, de boa paz, acho que por isso, Moura nunca "chutou o pau da barraca", talvez devesse ter feito isso, e aposto que teve vontade várias vezes.

Queriam colocá-lo como administrador da Arena América.  Está claro que o cargo foi quase um empurrão para fora do clube.

Não vou me alongar, fico triste, pois sei que profissionais como Moura poderiam, se bem utilizados, ser sempre de muita valia para o clube.

Boa sorte para Moura.

A ingratidão está e sempre estará presente no futebol. Quem já viveu sabe bem do que estou falando.

Foto: Canindé Pereira/América de Natal


Luizinho Lopes comanda o América; acho que a direção acertou

Edmo Sinedino,

luzinh_09Acho que apenas foi sacramentado, oficializado o que já estava definido, creio que antes mesmo da viagem de Luizinho Lopes aos Estados Unidos.

Recentemente, falou-se na possibilidade Paulinho Kobayashi ser o nome, mas segundo o próprio, apenas uma conversa.

Acho que o América acerta em apostar no Luizinho, que já mostrou competência dirigindo o Globo, Confiança, enfim, assim como já havia feito nas bases do rubro e como assistente técnico.

O treinador participa de coletiva de imprensa nesta sexta-feira quando falará à imprensa de seus planos na tarefa de dirigir, pela primeira vez, um clube centenário natalense.

Só espero que Luizinho possa realizar o trabalho dele, e que não deixe que interfiram, deem pitaco e coisas do tipo.

Os "estranhos", os "inimigos íntimos" do América têm contribuído muito para que a equipe esteja vivendo uma de seus piores períodos.

Veja abaixo:

A Diretoria Alvirrubra segue trabalhando visando a temporada 2019 e acertou a contratação do técnico Luizinho Lopes, que retorna ao clube após três temporadas. Luizinho chega para comandar a equipe nas disputas do Campeonato Estadual, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Luiz Junior de Souza Lopes, ou Luizinho Lopes, é um velho conhecido da torcida alvirrubra. Potiguar e ex-atleta oriundo das base do Mecão,  Luizinho tem 35 anos e como jogador contabilizou passagens por Paulista de Jundiaí-SP e Chapecoense-SC. Encerrou a carreira nos gramados aos 27 anos em decorrência de uma lesão e focou seus esforços nos estudos voltado ao futebol.

Iniciou a caminhada fora fora das quatro linhas em 2012 sendo auxiliar técnico. No mesmo ano assumiu a coordenação das Categorias de Base do América e em 2013 esteve como treinador da equipe Sub-20 do América. Logo após auxiliou Leandro Sena no Treze-PB. Em 2014 trabalhou com Roberto Fernandes no Remo até retornar ao Mecão em 2015, quando foi convocado para o time profissional do para seguir trabalhando com Roberto nas disputas do Estadual - conquistado o título centenário -, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Em 2016 se transferiu para o Globo, onde assumiu a posição de treinador principal e se tornou o "treinador mais longevo do país". Até sair do clube em 2018, Levou a Águia de Ceará-Mirim à briga pelo título Estadual, Copa do Brasil em duas oportunidades e Copa do Brasil. O acesso à Série C do Campeonato Brasileiro em 2017 chegando até a final coroou o excelente trabalho.

Além de Luizinho Lopes, também retorna ao América após 10 anos o Fisiologista Lawrence Borba. O analista de desempenho Victor Hugo é outra que reforçará a comissão técnica rubra. Ambos trabalharão com Igor Melo e Paulo Victor, que já fazem parte da instituição. A apresentação oficial dos profissionais acontecerá na próxima quinta-feira (20), às 10h30, na Sede Social do clube em entrevista coletiva.

Foto: Canindé Pereira/América FC



Gabriel Veron, potiguar, está entre os 30 melhores Sub-17 do mundo

Edmo Sinedino,

O trabalho do Santa Cruz no descobrimento de valores, uma coisa a ser imitada por quem faz futebol no RN.

O jogador Gabriel Veron, descoberto num "peneirão" em Assu, levado para o Palmeiras por Lupércio Segundo e João Quebra-Osso, empresários proprietários da equipe natalense e da empresa Brazil Sports, esta rankeado entre os 30 melhores sub-17 do mundo, segundo melhor do Brasil.

E isso, anotem: ele só recentemente, acho que no início do mês de setembro completou 16 anos. Um verdadeiro diamante, artilheiro, e que já ganhou prêmios em competições internacionais defendendo o Verdão paulista.

Um reportagem recente constatou que o atacante Douglas Costa, Juventus de Turim e seleção brasileira, atingiu 34,8 km/h numa arrancada para o gol do Brasil. 

Pois bem, o Gabriel, segundo estudo no Palmeiras, já chegou a 35,6 km/h em arrancada.

O menino assuense é o jogador mais rápido de todas as categorias do clube paulista, incluindo o profissional.

É muita bagagem!

santa 1_09

Veja abaixo mais uma conquista da base do Santa Cruz

A garotada do Santa Cruz de Natal brilhou mais uma vez e conquistou uma nova taça para as categorias de base do clube. De forma invicta, a equipe do Sub-13 é o grande campeão da II Copa Arês.

Na decisão, o Santa Cruz enfrentou o Bosque, equipe da cidade de Goianinha (RN). Após empatarem em 0 a 0, o Tricolor venceu por 4 a 3 nos pênaltis. Brilhou, então, a estrela do goleiro Edson, que defendeu duas penalidades e garantiu o título inédito do torneio neste domingo (16), na cidade de Arez (RN).

O Tricolor encerrou a competição com três vitórias e um empate. Foram cinco gols e nenhum sofrido.

Confira a campanha.

1ª fase

Santa Cruz 2x0 Projeto Minha Vida de Tibau do Sul

Santa Cruz 2x0 Visão Celeste 

Santa Cruz 1x0 Bosque de Goianinha

Final

Santa Cruz 0 (4)x(3) 0 Bosque de Goianinha



Veteranos e mulheres movimentam o futsal em São Tomé

Edmo Sinedino,

São Tomé, que sempre se  mostrou uma cidade voltada para o esporte, continua cumprindo seu papel.

Vamos ter, a partir do dia 21 de setembro, semana vindoura, a Liga Municipal de Veteranos, edição 2018.

A festa vai começar no Ginásio de Esportes Adriano Galvão Pereira, entrada gratuita. Patrocínio da Prefeitura Municipal de São Tomé, por intermédio da coordenação de espotes.

A rodada primeira terá os seguintes jogos:  Amigos Peladeiros x Internacional, Arsenal x Potengi w Pedra Preta x Posto.

Copa Regional da Mulher

No próximo sábado, em São Tomé, prepare sua torcida, vai ser dado o pontapé inicial a Copa Regional da Mulher, evento realizado pela coordenadoria de esportes da cidade de São Tomé, com apoio da Prefeitura.

A rodada começa às 18h, no ginásio de esportes Adriano Galvão, com entrada gratuira.

Os jogos:  São Tomé x Barcelona, São Paulo do Potengi x Cerro Corá, Santa Maria x São Bento e Lagoa de Velhos x Ruy Barbosa.



Um Brasileirão de futebol medíocre e poucos gols por rodada

Edmo Sinedino,

Minha gente, onde vamos parar? Eita, Basileirão fraco de gols. 16 gols em nove jogos. Que tristeza!

Se Chapecoense e Inter não balançarem bem as redes na partida de amanhã, encerramento da rodada, vamos ter, de novo, média que não ultrapassa os dois gols por jogo.

A rodada passada, de número 24,  foi de 1,3 gols por partida. Isso tudo é fruto, não se enganem, dos retranqueiros de plantão, treinadores incompetentes, covardes que trabalham pelo empate, para não perder.

A vigésima terceira havia registrado 1,5 gols por partida. A vigésima segunda teve a média de 1,9 gols. Somente na vigésima primeira rodada tivemos uma média de gols superior a dois, e foi somente 2,1, e antes desta, na 20ª foram marcados apenas 16 gols ...tétrico.

 A campeã de negatividade até agora foi a de número 24, com média de 1,3 gols na rodada, igual a de número 17. 

Desde o começo da competição, vejam que tristeza, apenas as rodadas 4,5,9,11 e 16, essa última com 30 gols redondos, ultrapassaram a média de três gols por partida. Mas todas com 3,1 apenas.

Com média superior as dois gols por duelo tivemos as rodadas de números 1, 7, 8, 13 e 14, 21 e 22. 

Será possível que os analistas de rendimentos, treinadores, estudiosos, falantes, que vivem em cursos de qualificação, de estudo aprimorado, será possível que esse povo tão inteligente, ou metido, não enxergam isso?

Não por menos, temos hoje, talvez, um dos piores campeonatos do mundo. Somos, sem dúvida, a segunda divisão do futebol, sem perspectivas de melhora.

Infelizmente, repito, isso não parece preocupar quem faz futebol no Brasil. Assim como as pesquisas assustadores de diminuição de público nos estádios e cada vez menos pessoas interessadas, ligadas no nosso combalido futebol.



Visão perde em Mossoró, mas árbitro não marca pênalti claro

Edmo Sinedino,

Não quero polemizar e nem tirar o mérito da equipe do Mossoró, na vitória sobre o Visão Celeste, mas o lance dentro da área que vi no vídeo foi de pênalti claro.

O atacante Jefinho, do Visão driblou para fora, não da área, e recebeu um trombolhão, falta clara, e como foi dentro da área, pênalti.

O árbitro .  Leonilson Trigueiro Filho, que é do quadro da CBF, não marcou. Logo em seguida encerrou a partida.

Evidente que as pessoas que assistirem ao vídeo podem ter uma opinião diferente da minha, mas foi para isso que criei meu blog, mas analisar jogos e emitir meu parecer.



Time da Sadef/RN é bicampeão da Copa NE de Amputados

Edmo Sinedino,

ampute_09A festa foi potiguar no evento realizado nesta sexta e sábado, em Natal, na Arena em Brasília Teimosa - Praia do Meio.

Festa bonita, disputa tensa que precisou de cobranças de pênaltis na final.

Veja abaixo:

Time da Sadef/RN é bicampeão da Copa NE de Amputados

Disputa aconteceu em Natal, com participação de 4 equipes

Foi suado, com 6 cobranças de pênaltis na grande final. Mas o título da Copa Nordeste de futebol de amputados ficou no Rio Grande do Norte, com a equipe da Sadef – Sociedade Amigos do Deficiente Físico. Depois de um empate sem gols no tempo normal, o time faturou o ouro com um placar de 5 x 4 nos pênaltis, em cima da equipe da Bahia. O campeonato aconteceu no fim de semana, no campo de Brasília Teimosa. 

“O mérito é todo dos atletas. Eles se mostraram sempre muito comprometidos, com vontade de vencer, e uma obediência tática impressionante. Tudo o que é pedido eles cumprem à risca dentro de campo. Trabalhamos o ano inteiro focados nessa competição”, comemora o técnico Demétrius Marques, técnico da equipe, escolhido também o melhor da competição. 

O time da Sadef terminou a disputa invicto e com a melhor defesa do campeonato. Foram apenas 4 gols sofridos no tempo regulamentar das 4 partidas. A campanha começou com um empate em 1 x 1 com a Bahia. Vitória por 4 x 3 em um jogo emocionante com os campeões do ano passado, Adesul, do Ceará. E uma vitória por WO contra o Piauí.

O coordenador de futebol de amputados da Sadef, e organizador dos jogos, Ronnie Peterson, disse que a preparação física fez toda a diferença para a conquista. “Quem viu os jogos viu como eles estavam preparados. Henrique Siqueira fez um excelente trabalho. Agradeço a ele e ao técnico Demetrius por aceitar o desafio. E ao presidente da Sadef, Tercio Tinoco, que recebeu os atletas do Projeto MelhorAndo na associação e nos deu todo o suporte. E claro, aos atletas. Eles foram fantásticos!”, vibra Ronnie.

Ainda este ano, a equipe vai disputar a Copa Brasil da modalidade, que não tem data nem local definido. “Nossas pretensões agora são maiores, já que somos campeões do Nordeste. Mas o esporte ainda precisa de mais divulgação e apoio, principalmente. Só nós sabemos as dificuldades que encontramos para seguir adiante”, lamenta o técnico Demetrius.

CAMPANHA SADEF NA COPA DO NE

Sadef 1 x 1 Bahia

Sadef 4 x 3 Ceará

Sadef W x O Piauí

Sadef 0 x 0 Bahia (tempo normal) – 5 x 4 nos pênaltis

NÚMEROS DA COPA DO NE

Gols: 25

Cartões amarelos: 19

Cartões vermelhos: 1

Melhor goleiro: João Batista (BA)

Artilheiro: Daniel Santos (BA)

Melhor jogador: Daniel Santos (BA)

Melhor Técnico: Demetrius (Sadef/RN)

Melhor Ataque: Adesul/CE

Melhor Defesa: Sadef/RN

Foto e fonte: Assessoria de imprensa



Operário 3 x 3 Cuiabá. Jogão! A volta será na Arena Pantanal

Edmo Sinedino,

Operário e Cuiabá ficaram no empate em jogão de seis gols. O time paranaense, jogando em casa, abriu o placar e fez 2 a 0, mas tomou uma virada espetacular, e quando tudo parecia perdido empatou aos 45 minutos do segundo tempo.

Acompanho com mais atenção ainda e, confesso, torcendo pelo Cuiabá, claro, por conta de Adriano Pardal e Danilo, dois excelentes jogadores que passaram pelo América. 

O Pardal, que ganhou a posição de titular nas rodadas finais, já defendeu ABC e América, e nos dois se saindo sempre muito bem.

Quando lamento o momento de nosso futebol, potiguar, vejo a renda da partida em Ponta Grossa. Pouco mais de cinco mil pagantes. Lembro do ABC em 2010, se o Frasqueirão acomodasse 40 mil torcedores teria lotado mesmo assim.

Público pagante: 5.439 - Público total: 6.003- Renda: R$ 127.280,00. A tradição nordestina ainda vale, em qualquer de nossas capitais teríamos muito mais público que isso.



Campeonato Potiguar de Futsal nas quartas de final

Edmo Sinedino,

Esses foram os resultados da primeira rodada das quartas de final do Campeonato Potiguar de Futsal, com os jogos sendo realizados simultaneamente, no sábado, nas cidades de Touros, Patu,  Pedro Avelino e Itajá. 

Jogando em casa, a seleção de Patu perdeu de 10 a 3 para Angicos, um resultado que praticamente garante os angiquenses nas semifinais.

Em Itajá, terra de craques como Souza, Sinha, Bebeto, Zé Ivaldo, Gilson Lopes e Netinho, entre outros, a seleção da casa venceu Barra de Maxaranguape por 3a 1. O time de Barra mostrou força e ainda está na briga.

O PAEC de Pedro Avelino, jogando no seu ginásio Antônio Clementino, acabou perdeu para a seleção de Messias Targino por 4 a 3.

E poir fim, em Touros, a rivalidade marcou o encontro entre os locais e visitantes de Macau. A duas equipeficaram num empate empolgante de 3 a 3.

Semana que vem teremos os jogos da volta. O certame é promovido pela Liga Norte-Rio-grandense Futsal, presidida pelo professor Severino Martins, o Djavan.

Desportistas e dirigentes não têm economizado elogios à organização dos eventos nas cidades, sempre contando com muita presença de público.



Arbitragem no Nazarenão sem reparos

Edmo Sinedino,

apito2_09Ao contrário do tanto falou o "espírito de porco" lá no Nazarenão,  arbitragem da partida entre Palmeira x Alecrim foi muito bem, além de tranquila.

Todas as reclamações que possam existi desconsidero. Alciney fez um trabalho excelente, talvez um ou dois lances que ele deveria ter dado vantagem, mas muito bem em todos os apectos.

O pênalti sobre Anderson, claro, ele foi empurrado nas costas pelo atleta do Palmeira, e não fosse isso entraria livre para marcar.

As assistentes, Edilele e Luciana, perfeita, sem nenhum erro nos impedimentos, lances de lateral e falta. Me parece que, um lance de Luciana, me pareceu que não houve o impedimento marcado, mas ela estava melhor colocada que eu.

Parabéns a todos!

A.  Alciney Santos de Araújo – CBF

A1.  Edilene Freire da Silva – CBF

A2.  Luciana da Silva – CBF

4°.  José Alexandre Silva Neto – CEAF


1-20 de 8440