Fabinho, Richardson, Matheus Matias, William, Romarinho...e Arcanjo

Edmo Sinedino,

Estava procurando informações sobre o volante William, citado como provável reforço do ABC para a Série C, e me deparo com uma questão interessante sobre  Richardson.

O volante natural de Natal/RN, foi vendido pelo Ceará ao Kashiwa Reysol por R$ 5 milhões, 80% do seu passe, me digam: o América não teve direito a nada? Pelo que me lembro parte da formação do volante foi no clube.

Ainda vasculhando sobre o volante, descubro que o nosso Fabinho está bem. lembram dele? Baraúnas, Alecrim e América. Depois Figueirense e Internacional, e uma contusão séria que o tirou dos gramados por muito tempo. 

Feliz por vê-lo bem no time do doido. Não é fácil se manter. O Lisca muda demais, por isso discordo de quem o classifica de grande técnico.

Bom, no Ceará, o William não está sendo aproveitado, assim como Matheus Matias. Dava para trazer os dois. E bem que a direção do ABC, e do América também, poderia cascavear atletas não aproveitados.

Lá, como aqui, garotos de destaque das bases não têm vez, já que treinadores como Lisca Doido e Ceni, entre outros, enchem os seus grupos de grandes nomes, caros e, eles tem que jogar.

Outro conhecido nosso amargando a reserva é o atacante Romarinho. Ele vem perdendo espaço no Fortaleza, mas figura no banco, pelo menos.

Ainda sobre William, a palavra de quem trabalhou com ele, o professor Francisco Diá disse que ele é muito bom, tem uma pegada forte. Acho que alguém falou que ele teria 32 anos, está errado, completou 27 em fevereiro.

O que eu acho? Vi jogar algumas vezes. Limitado tecnicamente, mas compensa em disposição e marcação. O ABC está precisando de um jogador assim.

No final do dia, a notícia: Júnior Arcanjo está sendo dado como contratado pelo ABC nas redes sociais. Arcanjo é o meia de ligação do Moto Clube, que vai disputar a Série D do Brasileiro. Diria que mais gente do Moto poderia vir.


Melhor árbitro escolhido para dirigir ABC x Potiguar

Edmo Sinedino,

Ontem mesmo escrevi que se tem uma coisa que funciona na FNF é a Comissão de Arbitragem. Caio Max Vieira, que chega nesta terça-feira (26) do curso de oito dias de VAR na CBF, vai dirigir ABC x Potiguar.

Um jogo decisivo que vai precisar de arbitragem precisa, pois pode decidir vaga à final do turno.

FNF DIVULGA ARBITRAGEM DA PARTIDA ATRASADA ENTRE ABC X POTIGUAR

No complemento da quinta rodada da Copa Rio Grande do Norte, válido pelo returno do Campeonato Potiguar, ABC e Potiguar entram em campo nesta quarta-feira (27) e a Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (CEAF) já escolheu quem apita a partida. 

Caio Max Augusto Vieira (CBF) será o árbitro do importante duelo que será disputado no Estádio Frasqueirão, às 20h30. Vinícius Melo de Lima (CBF) e Flávio Gomes Barroca (CBF) serão os assistentes, enquanto que Tarcísio Flores da Silva (CBF) será o quarto árbitro.

Vale lembrar que a partida teve sua data ajustada devido a terceira rodada da Copa RN estar datada para o dia 13 de março, mesmo período que o alvinegro viajou até São Luís do Maranhão para enfrentar o Sampaio Corrêa, pela sexta rodada da Copa do Nordeste.

Confira a escala:

ABC x Potiguar

Estádio Frasqueirão

Quarta-feira (27), às 20h30

A. Caio Max Augusto Vieira - CBF

A1. Vinícius Melo de Lima - CBF

A2. Flávio Gomes Barroca - CBF

4°. Tarcísio Flores da Silva - CBF

Fonte: Site da FNF


Copa do Brasil Sub 20: evento na Arena faz América mudar local de partida contra o Inter/RS

Edmo Sinedino,

O que diz a matéria? O América solicitou a mudança por conta do evento. Não. Isso quer dizer que o time rubro teve que encontrar outro local para jogar, já que a praça não estava disponível, o que é comum, para o futebol.

Cabe a pergunta: para que a Arena das Dunas foi construído, e com o suado dinheiro de nossos impostos, supervalorização, roubalheira e tudo mais?

Não por menos, o ex-dirigente e conselheiro do ABC, Leonardo Arruda Câmara diz, com propriedade, que a "Arena das Dunas é uma praça de eventos que, esporadicamente, recebe jogos de futebol".

Esse tipo de vergonha, de falta de atitude da FNF e dos clubes, e até mesmo do Governo do EStado que paga uma quantia absurda mensal, vai até quando?

Veja abaixo:

COPA DO BRASIL SUB-20: AMÉRICA ENFRENTA O INTERNACIONAL-RS NO ESTÁDIO NAZARENÃO

Alvirrubro solicita a mudança de estádio no jogo contra o Internacional-RS, válido pela Copa do Brasil Sub-20

O América, único representante potiguar na competição, vai enfrentar o Internacional-RS nas oitavas de finais da Copa do Brasil Sub-20. O jogo de ida entre as equipes acontece na próxima quarta-feira, dia 27 de março, às 15h, no Estádio Nazarenão. O confronto estava marcado anteriormente para ser realizado na Arena das Dunas,  mas devido a um evento que vai acontecer no local, o América solicitou a alteração e o jogo acontecerá em Goianinha. 

Nesta etapa, o gol qualificado não é critério de desempate, assim como no profissional. Em caso de igualdade na soma dos placares, o classificado será conhecido nos pênaltis.

Confira os jogos:

Jogo da ida

Quarta-feira (27 de março) - 15h

Local: Nazarenão, em Goianinha

América x Internacional-RS

Jogo da volta

Quinta-feira (4 de abril) - 15h

Local: Estádio Morada Dos Quero-Queros, em Alvorada-RS

Internacional-RS x América

Foto: Canindé Pereira / América FC



Rodriguinho segue dando show de bola no Cruzeiro

Edmo Sinedino,

cruzfesta_09Rodriguinho segue dando show de bola no Cruzeiro. Na vitória de 5  a 0 sobre a Patrocinense, o astro potiguar marcou dois gols, além de realizar assistências e chutes perigosos a gol. Uma atuação de gala.

Quando se falava na volta de Rodriguinho ao futebol brasileiro, da possibilidade dele voltar para o Corinthians ou acertar com o Flamengo, acabei por torcer pelo Cruzeiro, quando a equipe mineira surgiu como mais uma interessada.

O futebol de Minas, o time do Cruzeiro, de toques, de habilidade, de valorização da maneira de jogar que sempre marcou a história do time azul, para mim, calhava mais ao jeito Rodriguinho de jogar.

Agora, vamos ficar na torcida para que o clube de Minas conquiste o campeonato mineiro e venha forte para a busca do título brasileiro, quem sabe Copa do Brasil e até Libertadores. O Canguleiro, se não me falham as contas, já marcou sete gols desde sua chegada.

*Foto: twitter do Cruzeiro


Meninos de Vasco e Flu mostram que podem ser a solução

Edmo Sinedino,

Acompanhei alguns jogos do carioca. Da misturada doida do Rio e garanto que a solução dos problemas de todos está no aproveitamento das bases. Infelizmente, os meninos nem aparecem direito e já são vendidos.

Vi Bangu 2 a 1 no Vasco. Placar injusto, pois o time da Cruz de Malta atuou e mereceu vencer, diria, de goleada. Destaco vários jovens da base.

No domingo, um time reserva do Fluminense endurece com o Flamengo das estrelas. Toma um gol, dois gols, três, pronto, a goleada humilhante para marcar negativamente a garotada, mas, que nada! Os meninos do Xerém tocaram fogo no jogo, marcaram duas vezes e quase empatam.

Assim é no Grêmio de Futebol Portoalegrense. Assim ainda não entende o Inter, mas vai entender. Em todos os clubes onde predomina o aproveitamento das bases, de verdade, com apoio, sequência de jogos, os ótimos resultados aparecem.

Financeiros e em campo.

A maioria dos clubes do Brasil, no entanto, insistem na aquisição de jogadores caros, muitas vezes de baixa qualidade técnica, como alguns estrangeiros que vieram recentemente. Sem falar nas murrinhas que vão ficando.

Nem vou falar daqui de Natal. Os resultados já aconteceram várias vezes, mas a predominância ainda é de contratações equivocadas e não aproveitamento dos nossos.



Jefinho, atacante do Potiguar de Mossoró, é o artilheiro do Brasil

Edmo Sinedino,

jefinho09_09Não é matéria inédita, mas sempre vale a pena apontar os valores de nosso futebol. Jefinho, que eu já havia mostrado como destaque do Estadual.

Com o final da competição se aproximando, Wilson, contundido, sem dúvida desponta para mim como craque do campeonato.

Meus pares da imprensa, muito provavelmente vão votar no artilheiro Jefinho, e desta vez não vou discordar tão frontalmente.

Vejam abaixo matéria sobre o atacante:

Jefinho, atacante do Potiguar de Mossoró, é o artilheiro do Brasil na temporada

Atleta já marcou 13 gols no Campeonato Potiguar, em 12 jogos. Jogador de 24 anos só não marcou contra o Santa Cruz, adversário da última rodada da Copa RN

Com a proximidade do término do Campeonato potiguar 2019, a disputa para quem vai chegar à final e quem está brigando contra o rebaixamento aumenta a cada rodada. Mas, outra disputa movimenta os jogos do Estadual: a artilharia da competição.

Na competição, já foram 106 gols marcados e o atacante Jefinho, do Potiguar de Mossoró, é o maior responsável por esta contagem, tornando-se o artilheiro do Brasil e também do Estadual de 2019, com 13 gols, atingindo uma média de 1,08 gol por jogo. O Time Macho realizou 12 jogos e entra em campo no próximo dia 27 de março contra o ABC, em confronto atrasado pela quinta rodada da Copa RN.

O camisa nove diz que é importante manter o pé no chão para continuar marcando gols no Campeonato Potiguar. "O momento é bom, gratificante e graças a Deus estou conseguindo fazer os gols. Vou tentar manter o foco para chegarmos na final da Copa RN, estou trabalhando forte para isso." comentou.

O atacante do Potiguar já balançou as redes do América (duas vezes), Força e Luz (três vezes), ABC (duas vezes), Palmeira (duas vezes), Assu (duas vezes) e Globo (duas vezes). A única equipe que ainda não foi sofreu a artilharia do atacante foi o Santa Cruz, que no duelo pela Copa Cidade do Natal, equivalente ao primeiro turno do Estadual, acabou vencendo o Alvirrubro mossoroense por 2 a 0, na Arena das Dunas, em duelo pela última rodada.

Trajetória

Jefesson Vieira Eufrázio tem 24 anos e começou a carreira no ASSU, por onde esteve nos últimos três anos. Após o Estadual do ano passado, ficou sem clube profissional, disputando competições amadoras, como a Copa Oeste TCM pela Seleção de Triunfo Potiguar, sendo artilheiro isolado com 11 gols. O atacante chegou ao Potiguar de Mossoró neste ano, após indicação do técnico Emanoel Sacramento.

Confira a artilharia do Campeonato Potiguar na última década:

2009 - Lúcio Curió (América) - 15 gols

2010 - João Paulo (ABC) – 17 gols

2011 - Quirino (Santa Cruz) e André Neles (América) – 10 gols

2012 - Zé Paulo (Santa Cruz) – 10 gols

2013 – Rodrigo Silva (ABC), Cascata (América) e Ebinho (Potiguar) – 6 gols

2014 – Ricardo Lopes (Globo) – 6 gols

2015 – Kayke (ABC) – 12 gols

2016 – Nando (ABC) – 16 gols

2017 – Nando (ABC) – 9 gols

2018 – Wallyson (ABC) – 7 gols

*2019 – Jefinho – 13 gols

*Competição em andamento

Foto: Allan Phablo Queiroz / Potiguar

Iuri Seabra / Assessoria da FNF



Nagashima conquista 1ª etapa do Circuito Estadual de Iniciantes e Veteranos

Edmo Sinedino,

Judô Clube Nagashima conquista a primeira etapa do Circuito de Iniciantes e Veteranos

A Federação de Judô do Estado do Rio Grande do Norte (FJERN) promoveu neste sábado (23), no ginásio do DED, a primeira etapa do Circuito Estadual de Iniciantes e Veteranos. A equipe do Judô Clube Nagashima conquistou o primeiro lugar, enquanto a Tomodachi ficou em segundo e a Shiro Saigo em terceiro.

O presidente da FJERN, Tibério Maribondo, participou da cerimônia de premiação e disse que o próximo desafio do judô potiguar é a disputa pelo pentacampeonato brasileiro regional, em João Pessoa, na próxima semana. “Parabéns aos vencedores da primeira etapa do Circuito Estadual de Iniciantes e Veteranos e quero dizer que o nosso próximo objetivo será lutar pelo quinto título do Campeonato Brasileiro”, comentou.

Neste sábado, a seleção do RN fez o último treino de preparação para o Campeonato Brasileiro da Região II, nos dias 29, 30 e 31 de março em João Pessoa-PB. A delegação potiguar levará 140 judocas nas categorias feminino e masculino, nas classes Sub-13, Sub-15, Sub-18, Sub-21 e Sênior. O RN soma quatro títulos consecutivos nesta competição.



As chances são ótimas, mas o América ainda não é finalista do 2º turno

Edmo Sinedino,

O América ainda não está classificado à final do segundo turno. Garanto para vocês que ainda não.

Vamos lá. 

ABC x Potiguar será nesta quarta-feira. Alvinegro tem 10 pontos, vence o Potiguar de 1 a 0. Passa a 13 pontos. Bate o Força e Luz na rodada final e soma 16 pontos. Garantido na final.

O América que tem 15 pontos e saldo de 11 ainda falta jogar com o ASSU, assim como o Potiguar de Mossoró ainda encara o Santa Cruz.

Vejam bem. O time de Mossoró, suponhamos, perde para o ABC de 1 a 0, na quarta-feira, seu saldo que era de sete passa a ser de seis.

Na última rodada, isso contando com a vitória do ABC sobre o Forcinha, vamos dizer que o América perca para o ASSU de 2 a 0. Seu saldo que era de 11 cai para 9.

O Time Macho encara o Santa Cruz com seus seis gols de saldo. Aí, pode acontecer, vence de 3 a 0. Seu saldo vai para os mesmos 9 do América, mesmo número de vitórias e passa a ter maior número de gols marcados 15 a 13.

ABC e Potiguar de Mossoró fariam a final no Frasqueirão e o América estaria fora. Escrevi isso somente para comprovar que o a final do segundo turno ainda não tem nenhum time garantido.

Claro, que as possibilidades do América chegar são ótimas. Se ABC e Potiguar empatarem ou se acontecer vitória do Time Príncipe no meio de semana, o rubro já entra em campo classificado.

PS: antes de encerrar e publicar esse texto, fiz uma consulta ao amigo, de longas datas, e estatístico, pesquisador Marcos Trindade e fiquei feliz ao constatar que suas contas são iguais às minhas


Max marca duas vezes e o América bate o Palmeira

Edmo Sinedino,

max34_09Com a formação de um volante só, mesmo desfalcado do importante jogador Allison, na defesa, o treinador Moacir Júnior apostou na escalação de uma equipe com um só volante de marcação, três meias e dois atacantes.

Sua aposta ofensiva, vertical,  assim como havia acontecido contra o ASSU, por exemplo, deu excelentes resultados. 

O rubro não teve dificuldade em vencer o Palmeira - 3 a 0 - gols de Max (2) e Gabriel Nunes, se mantendo na liderança do segundo turno e quase que praticamente assegurado na final.

O América ainda falta enfrentar o ASSU, última rodada, jogo decisivo para o Camaleão do Vale que só escapa do rebaixamento se vencer e ver rivais perderem.

O rubro só perde vaga à final se cair e ainda houver uma difícil combinação de resultados. Se na quarta-feira, ABC x Potiguar, que se enfrentam no Frasqueirão, terminar empatado ou com vitória dos mossoroenses, o América já é finalista.

Veja abaixo:

Com dois de Max, Alvirrubro bate o Palmeira no Nazarenão

O estádio foi a casa do Alvirrubro entre os anos de 2011 e 2013, sendo fundamental para um acesso à Série B e no título estadual de 2012

No retorno ao Nazarenão, estádio de ótimas recordações para o América, vitória rubra sobre o Palmeira de Goianinha por 3 a 0 com dois gols de Max e um de Gabriel Nunes. Com o resultado, o Mecão não só segue na liderança da Copa RN como se aproxima, ainda mais, da classificação à final da Copa RN, que equivale o segundo turno do Campeonato Potiguar.

O próximo compromisso está marcado para o dia 3 de abril, contra o ASSU, no Estadio Edgarzão, em Assu.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Potiguar - 3ª rodada/2º turno

Palmeira 0 x 3 América

Data: 24.03.2019 – 16h;

Local: Estádio Nazarenão, Goianinha (RN);

Árbitro: Alciney Santos de Araújo (CEAF);

Auxiliares: George Ítalo de Araújo (CBF) e Luís Carlos França Costa;

GOLS: Max (14' e 38'/1ºT) e Gabriel Nunes (36'/2ºT);

Cartões amarelos: Sorato, Rômulo, Ricardo Baiano e Eduardo(Palmeira); Leandro Melo e Hiltinho (América);

Cartão vermelho: Sorato (Palmeira); 

PALMEIRA: Messi; Rômulo, Arthur, Ricardinho e Anderson; Sorato, Val, Luiz Henrique e Eduardo; Romário e Leozinho. Técnico: João Paulo

AMÉRICA: Copetti; Joazi, Adriano Alves, Galiardo e Kaike; Leandro Melo (Gabriel Nunes), Adenilson, Hiltinho (Luisinho) e Roger Gaúcho; Adriano Pardal (Jean Patric) e Max. Técnico: Moacir Júnior

Foto: Canindé Pereira/América FC


ABC tem que vencer o Fortaleza e torcer por tropeços de rivais

Edmo Sinedino,

abcvito00_09A coisa, definitivamente, ficou muito difícil para o ABC na Copa do Nordeste. Bahia, CSA e Botafogo venceram seus jogos,  assim como o Náutico, que já havia atuado no sábado, tornando mais distante o sonho da vaga do clube potiguar à segunda fase da Copa do Nordeste.

O alvinegro agora está na sexta colocação, 12 pontos, mesma pontuação do Bahia, mas perdendo no saldo de gols - 9 a 4.  Na última rodada, o clube natalense vai jogar contra o Fortaleza, líder do Grupo A, precisando vencer e, ainda, vejam só, tendo que tirar algum saldo de gols.

O Botafogo lidera o grupo com 17 pontos, já classificado. Nosso representante tem que torcer, além de somar três pontos, por derrotas de pelo menos dois dos seus concorrentes acima - Bahia, 12 pontos; CSA, 13 pontos; Naútico, 14 pontos e Ceará, 15 pontos. 

Se a briga for direta como Vovô, o alvinegro potiguar ainda tem que tirar a diferença de saldo de gols que é de 8 a 4 favorável aos baianos. Se obriga a vencer o Fortaleza de 3 a 0 e torcer pela derrota do rival alencarino de  2 a 0, no mínimo.

Uma missão duríssima. O Ceará enfrenta o Salgueiro, fora de casa; o Náutico joga em Salvador, diante do Vitória; o CSA encara o Altos, no Piauí e o Bahia vai duelar contra o Sampaio, em São Luís.  No caso, sem vitória na última rodada, sem chance.

O ABC já voltou aos treinos visando mais uma decisão. O time enfrenta o Potiguar de Mossoró nesta quarta-feira, em jogo atrasado, precisando vencer para manter chances de chegar à final do segundo turno.


Argentina: "Dia Nacional da Memória pela Verdade e Justiça"

Edmo Sinedino,

nuncamas_09Os clubes da Argentina se unem para lembrar as vítimas da ditadura militar. Todos, sem exceção, participaram dessa campanha em defesa da democracia.

Que inveja!

Impensável por aqui a união de clubes como, por exemplo, o Atlético Paranaense, que fez campanha aberta para um fascista defensor da ditadura militar e seus criminosos.

Nenhum clubes do Brasil, com raras exceções entre seus torcedores, alguns movimentos, têm a decência de pensar numa atitude tão bonita.

Por essas e outras que o futebol argentino, mesmo sem tantos títulos mundiais, e sempre estando atrás do Basil em tradição futebolística, figura sempre merecedor de muito mais respeito que o nosso.

No Brasil, se caso algum clube tivesse essa coragem, muito provavelmente seria punido pelos bandidos da CBF, que sempre fizeram parte da mesma quadrilha que sempre assaltou o nosso País.

E os jogadores? Esses, mais ridículos e alienados, patetas que não têm qualquer noção do sentido da palavra cidadão.

Neymar, Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Bebeto, Romário, peças utilizadas no xadrez dos grandes conglomerados para manter o povo do Brasil na ignorância.

Viva los hermanos!

Veja abaixo:

"Dia Nacional da Memória pela Verdade e Justiça" celebra a memória das vítimas dos militares no país

O dia 24 de março é uma data de união para os clubes argentinos. Não houve espaço para rivalidades quentes como a Boca Juniors x River Plate neste domingo. A data marca o Dia Nacional da Memória pela Verdade e Justiça, momento para lembrar das vítimas da Ditadura Militar ocorrida no país, e os times deram seu apoio.

Nas redes sociais, os principais clubes da Argentina fizeram posts com referência à data e com mensagens sobre a questão. O principal recado foi a hashtag levantada pelas equipes: #NuncaMás, ou seja, "nunca mais". 

Em 1976, nesta mesma data, o general Jorge Rafael Videla derrubou a presidente Isabelita Perón em um golpe de estado e iniciou uma ditadura brutal que durou sete anos e levou a cerca de 30 mil vítimas, entre mortos e desaparecidos. Desde 2003, o dia foi batizado como Dia Nacional da Memória pela Verdade e Justiça.

Acompanhe a comoção dos clubes argentinos:

Boca Jrs. Oficial - Memoria, Verdad y Justicia.

River Plate [email protected] -  En el Día Nacional de la Memoria por la Verdad y la Justicia, en River decimos #NuncaMás.

San Lorenzo [email protected]  #NuncaMás

C. A. Independiente [email protected]  En Independiente decimos #NuncaMás. Hoy y siempre. Seguimos luchando por la Memoria, la Verdad y la Justicia.

Estudiantes de La Plata [email protected] - A 43 años del último golpe de estado en Argentina, desde el Club Estudiantes de La Plata decimos.

Racing Club [email protected] - El tiempo pasa, pero el pedido por memoria, verdad y justicia no cesa y se hace cada vez más fuerte 

PS: quase todos os clubes participaram desta linda homenagem, só publiquei os mais importantes.


O Vasco perde do Bangu; injusto

Edmo Sinedino,

O Vasco está nas redes. Sendo zoado, claro, mas foi uma partida absolutamente injusta a sua derrota para o Bangu, 2 a 1. O time da Cruz de Malta criou pelo menos umas quinze situações de gol, perdeu uns quatro certos. Futebol.

Fez 1 a 0, desperdiçou chances, sofreu empate de pênalti e acabou vendo o ótimo Marcos Júnior, que teve passagens por América e ABC aqui em Natal, ambas muito boas, marcar o segundo decidir.

O Vasco está no caminho certo. Se não aparecer patrocinadores e dirigentes para estragar. Os meninos, aos poucos, vão conseguir fazer o Vasco voltar a ser uma grande agremiação do futebol do Brasil.

O segredo é simples: aproveita a base e contrata valores de destaque de equipes menos tradicionais, como o Marcos Júnior, do Bangu, por exemplo.



Cruzeiro de Macaíba será destaque no I Encontro Sobre Futebol Feminino da UFRN

Edmo Sinedino,

Cruzeiro de Macaíba será destaque no I Encontro Sobre Futebol Feminino da UFRN

O Cruzeiro de Macaíba será um dos grandes destaques no I Encontro sobre Futebol Feminino do Rio Grande do Norte: da sua história aos elementos técnicos e táticos que o envolve, no dia 25 próximo, das 17h às 19h, no auditório do DEF, promovido pelo Departamento de Educação Física (DEF), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

A inscrição para participar do evento custa R$ 20 e será destinada ao Cruzeiro de Macaíba Feminino com intuito de ajudar nas despesas do time no Campeonato Brasileiro Feminino Série A2 (Segunda Divisão). 

O evento tem como foco divulgar e discutir sobre o futebol feminino no estado do Rio Grande do Norte, considerando seu histórico, as condições de trabalho que hoje as atletas enfrentam as possibilidades que se apresentam em termos técnicos e táticos para esta prática esportiva.

Além da ajuda, o Cruzeiro terá um representante na mesa de debates. O treinador do azulão, Bernardes filho, que vai tratar sobre os elementos técnicos e táticos no futebol feminino. Em termos de futebol para mulheres, o Cruzeiro de Macaíba é atualmente a referência do RN e um dos grandes exemplos do Norte/Nordeste.

 Fundado em 1937, o Espantalho do Interiormontou seu departamento de futebol feminino em outubro de 2016. Em menos de três anos de atividade, o time foi vice-campeão estadual 2017 – campeão em 2018 e vai representar o futebol potiguar no brasileiro da categoria neste ano. A estreia do futebol macaibense feminino será dia 27, nos Aflitos, contra o Náutico/PE.



O Brasil fica no empate lamentável diante do Panamá

Edmo Sinedino,

jesus345_09Hoje, sábado (23), foi o dia dos empates ruins. E esse Brasil de Tite. Empate de 1 a 1 com o Panamá, 76º do ranking da Fifa, que não ganha uma partida tem um ano.

Foi o primeiro compromisso oficial da seleção brasileira em 2019. 

O amistoso foi disputado no Estádio do Dragão, em Porto, Portugal, e Lucas Paquetá foi quem balançou as redes para a Canarinho.Machado empatou, de cabeça, para os panamenhos.

O próximo compromisso será na terça-feira (26), contra a República Tcheca. A partida amistosa será disputada no Éden Arena, em Praga, às 16h45 (de Brasília).

Mesmo o time com dois atacantes de área - Firmino e Richarlison, depois Jesus no lugar de Firmino - nada dos esperados muitos gols. Incrível, como esses times treinados por Tite não sabem sair de uma marcação mais intensa.

O Brasil teve maior posse de bola, chutes a gol, situações criadas, mas ficou preso nesse empate que nos envergonha e, certamente, vai servir para afastar ainda mais o torcedor dos estádios.

Não tenho nenhuma dúvida em afirmar que essa Copa América, realizada no Brasil, vai ser detentora de recorde de públicos mais baixos na história da seleção brasileira.

O empate do Brasil diante do Panamá repercute mais negativamente ainda do que a derrota da Argentina para a Venezuela. O futebol da América do Sul, o futebol do Brasil, gente, tá muito preocupante.

*Foto: site da CBF/Lucas Figueiredo


ABC tem atuação medíocre e só empata com o fraco Vitória

Edmo Sinedino,

abcvit_09ABC empata com o Vitória, 0 a 0, em mais uma partida daquelas de deixar o torcedor furioso, além da perspectiva do alvinegro cair para a sexta posição, caso CSA e Bahia vençam seus jogos no complemento desta sétima rodada. No momento, a equipe natalense ocupa quarta posição.

E o jogo? Dois lances de chance de gols criadas - Anderson e Éder desperdiçaram -, um chute de longe de Ivan que o goleiro João Gabriel quase engole frangaço, um pênalti despediçado pelo time visitante, a bola bateu na trave, e outro, claríssimo, também contra o ABC, não marcado pela arbitragem.

Esse foi o resumo da partida.

A promessa de um ABC mais criativo não se concretizou, ainda mais porque, já na volta para o intervalo Ranielle Ribeiro sacou os jogadores Neto e Anderson, que não estavam bem, mas os únicos de quem se pode esperar algo diferente.

Fica cada vez mais evidente a falta de uma definição de posicionamento e padrão de jogo que defina, claramente, qual a forma de jogar do treinador alvinegro.  Contra esse fraquísismo Vitória, talvez o pior time que o rubro-negro baiano já formou nos últimos tempos, de novo, a falta de jogadas foi a tônica do time local.

Dificilmente, faltando apenas uma rodada, partida contra o Fortaleza, na Arena Castelão, podemos acreditar que o ABC possa se recuperar e conseguir sua classificação. Tomara que CSA perca para o Sergipe de Leandro Campos, partida em Maceió, e o Bahia não consiga vencer o Salgueiro, também jogando em casa.

*Foto: Andrei Torres/ABC FC


Uma coisa funciona na FNF: o quadro de árbitros

Edmo Sinedino,

var23_09Quase nada funciona direito na FNF. José Vanildo é um zero à esquerda como gestor, para comprovar o que escrevo basta ver a situação de nossos clubes, de nosso campeonato.

O dirigente que abandonou e "enterrou", ou tentou, o JL, estádio berço de nosso futebol. Responsável pelo fim das Ligas de Futebol de Natal e, principalmente, de clubes tradicionais como Coríntians de Caicó, Santa Cruz do Inharé.

Uma gestão sem transparência nenhuma, sem prestação de contas, e eleições, ou não, prorrogação de mandato feito sem que o torcedor saiba sequer o que acontece.

Campeonatos de base feitos torneios ridículos de curtíssima duração, futebol feminino sem apoio ou atenção, enfim, um caos geral que só faz encolher o nosso esporte mais popular.

José Vanildo, já é, de longe, o mais impopular presidente que a entidade já teve, superando mesmo os, até então, imbatíveis Pio Marinheiro e Nilson Gomes.

Se o torcedor que viveu a era de presidentes como o "Capitão" Cícero Almeida, Rui Soares e e Domilson Damásio, e agora se depara com José Vanildo, ele fica sem acreditar no que acontece.

Uma coisa, no entanto, que não depende de José Vanildo, funciona na FNF. Seu quadro de arbitragem. Não seria o caso de fazermos um lobby para a eleição do Coronel Ricardo Albuquerque para o comando da FNF...?

Nossos árbitros estão sim num nível muito acima da gestão de Vanildo.

Veja abaixo:

Árbitros do quadro da FNF participam de treinamento do VAR para o Brasileiro 2019

Caio Max Augusto Vieira, Pablo Ramon Gonçalves Jean Márcio dos Santos e Vinícius Melo de Lima participam de treinamento da CBF, em São Paulo

Dois árbitros e dois assistentes em arbitragem do quadro do Rio Grande do Norte que integram o quadro da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foram convidados a participar de um curso de capacitação para exercer a função de Árbitro Assistente de Vídeo (VAR) nos campeonatos nacionais de 2019. 

O treinamento acontece na cidade de Águias de Lindoia, no interior de São Paulo, para o aprimoramento do uso da tecnologia em partidas da Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Os árbitros Caio Max Augusto Vieira e Pablo Ramon Gonçalves, além dos assistentes Jean Márcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima vão participar do treinamento. Caio Max, que participa da primeira turma de árbitros, já está realizando a capacitação da CBF. Pablo Ramon, Jean Márcio e Vinicius farão parte das próximas turmas.

Treinamento

Os participantes já realizaram outros treinamentos para desempenhar a função e, nesta etapa, fazem o curso para completar os requisitos da International Football Association Board. As atividades do curso, que se dividem entre aulas teóricas, palestras e simulações práticas, vão até o dia 15 de abril, com o fim da Turma 14.

Foto: Divulgação / CBF



As opções de Moacir Júnior

Edmo Sinedino,

pardaleco_09América enfrenta o Palmeira, domingo, no Nazarenão. Jogo chato para o rubro. O técnico Moacir Júnior ainda não definiu a equipe.

Pardal é dúvida. Só entendo a não escalação do artilheiro do time se ele não estiver recuperado, ou Moacir esteja temendo perdê-lo para jogos mais importantes.

Até compreendo. De outro modo, não, pois nunca "seca" de gols e talento como vivemos, não dá para prescindir de um Pardal.

Numa partida como essa, com todo o respeito que a equipe de Goianinha merece, o América tem que jogar para cima.

Abriria sim mão de um volante. Basta um, o Leandro, optaria por dois meias e três atacantes ou três meias e dois atacantes.

E jogaria sim com Max, que serviria com motivo para defensores não queiram sair jogando.

O América tem 12 pontos, se tropeçar pode perder a vantagem e, quem sabe, até mesmo a vaga na final, pois ainda tem um duelo difícil em Assu, na última rodada.

*Foto: Canindé Pereira/AFC


Na teoria, contra o Vitória, a melhor formação do ABC no ano

Edmo Sinedino,

xavier415_09O ABC que vai enfrentar o Vitória. desde que começou a temporada, creio, essa é a melhor formação do ABC, do meio para a frente, bem entendido. 

A mais ofensiva e de mais possibilidades de criatividade, de fazer o time andar. Claro, isso só na teoria. Na prática pode dar tudo errado.

Guedes, segundo volante, descido à condição de primeiro. Xavier, que também marca e não tem passe ruim, e o Anderson que, na minha avaliação é o jogador mais talentoso desse elenco do ABC. O meio-campo.

A defesa me preocupa. Sim, dois lentos formando dupla de zaga. E vocês sabem como é o futebol, a partida está zero a zero, toma um gol, a pressão aumenta, ninguém mais acerta nada,e  fim. Figa!

Fico na torcida. O problema dessa opção de Ranielle parece ser a recomposição. Todo mundo tem que se preocupar com fechar espaços, todos.  No entanto, Neto e Éder são jogadores que recompõem e acho que pode dar certo.

ABC x Vitória, 16h, no Estádio Frasqueirão, duelo pela Copa do Nordeste, penúltima rodada da fase de classificação. O alvinegro potiguar só aspira algo se vencer.

O time: Edson, Ivan, Henrique, Adalberto e Jonathas; Guedes, Xavier e Anderson; Neto, Rodrigo e Éder. Não sei se ainda pensaria num jeito de aproveitar o ala Evandro.



Luan está de volta ao ABC

Edmo Sinedino,

Luan23_09O atacante Luan está de volta ao ABC. Uma boa contratação, pois não é aposta e nem vem sem que o torcedor conheça.

Luan foi destaque do ABC ano passado na Série C,  marcou cinco gols, foi contratado pelo Vitória e foi pouco aproveitando. Lesões e cegueiras de treinador o prejudicaram.Luan chega por empréstimo junto ao Santa Rita/AL até o final da temporada 2019. Ele pode disputar a Copa do Basil, quem sabe o jogo de quarta-feira (3), contra o Santa Cruz.

Copa do Nordeste e Estadual já encerraram inscrições. O torcedor, claro, espera por mais reforços.



Jefinho, o artilheiro do Brasil, é de Triunfo Potiguar

Edmo Sinedino,

jefinho45_09Quando a gente fala que se houvesse uma observação e acompanhamento de competições do interior do Estado formaríamos uma equipe forte e competitiva as pessoas duvidam.

 Uma pergunta: quais os dois melhores jogadores, de maior destaque, neste campeonato Estadual? Eu respondo: Wilson e Jefinho, ambos do Potiguar de Mossoró.

Wilson, infelizmente, sofreu uma grave contusão e Jefinho é, simplesmente, artilheiro do Brasil. Vários clubes, é certo, vão disputar o concurso desse jogador que já esteve no ASSU e ninguém viu, disputou Copas nas regiões de nosso Estado e nada.

Infelizmente, nossos dirigentes são cegos para os talentos com RG do RN.  Jefinho tem 13 gols, não sei quem cuida de sua carreira, mas ele vai render dividendos que poderiam, sim, ser de ABC ou América.

Com 24 anos de idade, Jefinho é natural de Triunfo Potiguar RN. O atacante começou sua careira com apenas 16 anos, na equipe E.C. Triunfo.  Equipe local comandada pelo professor Francisco Pedro, onde foi campeão municipal várias vezes, como também foi campeão municipal, atuando pelo Juventude FC, comandada pelo professor Ademir. 

Muito cedo, passou a jogar como profissional na equipe do Camaleão do Vale, da cidade de Assu, onde esteve por três temporadas e ninguém viu seu talento.

Jefinho foi indicado para o Potiguar de Mossoró pelo ex-jogador do clube, Márcio Cardoso, seu treinador na seleção de Triunfo Potiguar, sendo o próprio Márcio quem intermediou a contratação do atleta.


1-20 de 8948