A entrevista de Milton Leite

Edmo Sinedino,

milton1_09Milton Leite, narrador do SportTV. Vi uma matéria dele no UOL, gostei, ele critica até mesmo o portal que o entrevista.

Positivo.

Jogadores alienados, mimados. Concordo totalmente. Só acho que faltou ao repórter provocá-lo mais para que ele expusesse mais coisa dessa alienação, mal maior de nossos jogadores.

Nomes como Ronaldo, Romário, Bebeto. Neymar, entre outros, adorados pelo povo, se posicionam politicamente contra esse povo todos os dias.

Basta ver a atuação do senador Romário.

Gostei quando ele definiu Temer como traidor e golpista e quando classificou de “embevecido” com o poder o juiz Sérgio Moro, destacando suas arbitrariedades.

O pensamento dele com relação ao Lula é o mesmo que tenho. O melhor presidente de nossa história, com essa marca magistral de tirar a fome (que está voltando) de nosso mapa.

Por fim, uma identificação que, creio, ele deve ter tido com todos que fazem futebol nos estádios. As torcidas, os riscos, e os cuidados que se deve tomar.

As organizadas, bancadas por dirigentes, são, sem dúvida, concordo plenamente, um dos maiores males do futebol brasileiro.

Bandidos travestidos.

Chegar antes e sair depois no estádio é a solução para evitar abusos e xingamentos e até ameaças.

Ele está coberto de razão. Ainda me misturo muito com os torcedores quando vou ao jogos, mas já sofri algumas agressões verbais e escutei piadinhas.

Quando o time perde, os torcedores querem encontrar um “bode expiatório”, às vezes, “bodes” , e é aí que pode sobrar para nós da imprensa.

Milton Leite foi ameaçado de morte por Eurico Miranda, eu por um ex-presidente da FNF, mas ele prometeu me esmurrar (claro, não teve coragem).

Enfim, gostei dos homem do “Que Beleza!”.

Esse bordão mostra bem como está o Brasil, o do futebol também.


Tags: golpista lula milton leite sergio moro temer torcidas
A+ A-