15 plantas que não morrem no apartamento ou no escritório

Espécies são ótimas para quem pretende mudar um pouco a cara do ambiente fechado.

Da redação, Estadão Conteúdo,
Reprodução/Pixabay
Especialista em paisagismo ressalta a importância de deixar as plantas com flores em ambientes bem iluminados.

Quais as melhores plantas para ter em um ambiente fechado, onde o sol não brilha por muitas horas do dia? Especialistas dão dicas de 15 opções que você pode ter no apartamento, no escritório ou mesmo dentro de casa, longe dos jardins. Começamos, primeiramente, com duas dicas essenciais:

 Cuidado para não encharcar

“É preciso ter cuidado para não colocar muita água. Em ambientes internos, não há sol direto, então a água evapora mais devagar. Com isso, ela fica acumulada nas raízes da planta, o que traz fungos e apodrece a planta”, diz Fernando Henrique Cruz, arquiteto e paisagista da Paisagismo São Paulo. Evite, portanto, encharcar a terra com água.

 Vasos sempre com furos e flores perto do sol

“É importante que os vasos tenham furos, senão a água não tem para onde sair”, aconselha Nina Levy, florista e dona da Amapá Flowershop. Ela também ressalta a importância de deixar plantas com flores em ambiente bem iluminados, para que o florescimento ocorra por completo.

samambaia-h

1. Samambaia


É uma das plantas ornamentais mais populares no Brasil. A dica é cultivá-la em vasos suspensos, presos à parede ou ao teto. Há diversas espécies, cada qual com uma preferência de iluminação - em geral, no entanto, a espécie evita o sol. Uma opção é a samambaia-prateada, que fica bem à meia-luz.

2. Lavanda

Precisa de muito sol e água, com regas diárias. Para que as raízes não mofem, o vaso deve ser bem drenado.

3. Camedórea

A camedórea é uma espécie de palmeira que pode ser cultivada em ambientes fechados - aliás, o ideal é protegê-la do sol direto. Como gosta de umidade, regue quatro vezes por semana.

4. Fícus

O fícus tem potencial tanto para ambientes externos (na natureza, pode atingir até 30 m de altura) quanto ambientes internos, dentro de vasos, na forma de arvoretas ou arbustos. Em ambientes fechados, ele necessita de lugares iluminados, apesar de dispensar o sol direto. A terra deve ser adubada todo mês no inverno e no verão e a rega deve ser feita quando a terra ficar levemente seca, sem deixar o solo encharcado.

airplant-h

5. Airplant


Esta família de plantas dispensa o plantio na terra, o que permite a você ser criativo na hora de acomodá-la. A rega é intensa: borrife água a cada dois dias.

6. Begônia

Planta colorida, ela é ótima para a decoração, sobretudo de pequenos cômodos, uma vez que atinge no máximo 30 cm de altura. No trato, ela não deve receber luz direta do sol, apesar de exigir lugar iluminado. A rega deve ser feita sempre que o solo estiver seco, mas a água não deve molhar as folhas, e sim a terra. Na foto, begônias nas cores vermelha e laranja.

7. Costela-de-adão

O ideal é conservá-la em luz indireta. Como cresce devagar, dispensa cuidados excessivos. Na natureza, fica enroscada no tronco, então é bom colocá-la perto de algum lugar no qual ela possa se prender. A rega precisa ser feita duas vezes por semana.

cissus

8. Cissus


A cissus fica bem pendurada, caindo para o solo. E a mistura do tom verde com o avermelhado das folhas traz uma combinação harmônica ao ambiente. Ela não precisa de sol direto e fica bem à meia-luz. A rega deve ser feita duas vezes por semana.

9. Maranta

É uma planta que suporta bem a sombra. A rega deve ser feita dia sim, dia não.

10. Bromélia

Planta resistente, que precisa de poucos cuidados com água, iluminação e umidade. O sol queima fácil as folhas, portanto não deixe ela receber luz direta. No entanto, por ser uma flor, necessita de grande iluminação para florescer. A rega deve ser feita dia sim, dia não. Na foto, é a planta vermelha com detalhe amarelo.

11. Suculentas

Armazenam água por bastante tempo, portanto a rega deve ser feita com intervalos esparsos, de uma vez a cada 15 dias. O ideal é deixá-la em local bem iluminado e com luz direta do sol.

violeta-hh

12. Violeta


Superversátil, a violeta só não pode receber sol direto. A rega precisa ser feita de duas a três vezes por semana.

13. Orquídea

Gosta de sol direto, mas também se adapta a ambientes iluminados, perto da janela. Pode ser plantada em vasos e jardineiras. O vaso precisa ser profundo e é melhor borrifar água em vez de regá-la. Deixe-a protegida do vento e adube a terra a cada 15 dias.

14. Dracena

A dracena é do tipo arbusto super-resistente, capaz de ser cultivada até em escritórios. Pode tanto receber luz direta quanto meia-luz. O maior cuidado que ela vai exigir é evitar o excesso de rega e ficar fora do alcance de crianças e animais, porque pode gerar intoxicação.

15. Palmeira-ráfia ou chamaedorea

A palmeira-ráfia e a chamaedorea crescem verticalmente. Devem ser cultivadas à meia-sombra e regadas uma vez por semana.

Tags: Cidades Dicas Paisagismo
A+ A-