Dia “D” mobiliza para a campanha de vacinação contra a gripe

Prefeito Carlos Eduardo e secretário de Saúde, Cipriano Maia, participam de mobilização em unidade de saúde da zona norte de Natal.

Chico Rabelo,
JB/SMS
Campanha de vacinação em Natal vem se desenvolvendo em todas as unidades básicas de saúde desde o dia 15 e prossegue até 26 de abril.

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo, e o secretário municipal de Saúde, Cipriano Maia, participaram ontem (20) da abertura do dia “D” da Campanha Nacional de Vacinação contra o Vírus da Influenza, na unidade de saúde Estratégia da Saúde da Família – ESF de Nova Natal, zona norte da cidade.

A campanha de vacinação em Natal vem se desenvolvendo em todas as unidades básicas de saúde desde o dia 15 e prossegue até 26 de abril, com uma meta apontada pelo Ministério da Saúde de vacinar pelo menos 104.559 pessoas,  número que corresponde a 80% da população alvo.

O público alvo da campanha é formado por idosos com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a dois anos, indígenas, gestantes, pessoas privadas de liberdade e profissionais de saúde, além de mulheres no período de até 45 dias após o parto (em puerpério) e os doentes crônicos.

“Avise seu amigo, vizinhos e ao povo da rua, que venham se vacinar. Porque sem se vacinar, fica-se doente e faz a fila do posto de saúde ficar enorme; a vacina previne,” disse o prefeito Carlos Eduardo, elogiando a equipe da SMS “que está  nestes três meses fazendo milagre em favor de Natal”.

Grande número de idosos compareceu à abertura do dia “D” na Estratégia da Saúde da Família de Nova Natal. A eles, tanto Carlos Eduardo como Cipriano Maia,  falaram da necessidade de se prevenir as doenças através das vacinas e da prática de hábitos saudáveis.

 “Temos que cuidar do corpo e nos proteger dos riscos do cotidiano através da vacina; mudar hábitos alimentares, ter atividade física e celebrar a vida como vocês estão fazendo. Saúde é promover a vida”, disse o secretário Cipriano Maia.

Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza. Em Natal, a Secretaria Municipal de Saúde está mobilizando 1.500 profissionais e disponibilizando 140 mil doses da vacina. “Quem Lembra da Vacina se Protege da Gripe”, diz o lema da campanha. 

Tags: Campanha Nacional de Vacinação Dia D Influenza Saúde
A+ A-