Nélio Dias está em boas condições, mas população não utiliza

Ginásio serve de palco para eventos esportivos. De acordo com titular da Sejel, será criada escolinha de futebol no ginásio.

Melina França,
Foto: Divulgação
Apesar da boa estrutura física, o ginásio esportivo Nélio Dias, na Zona Norte da capital, não é aberto para uso da população. De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Juventude , Esporte e Lazer (Sejel), Francisco Chagas Catarino, o espaço serve apenas para sediar eventos esportivos.

Um dos motivos apontados para tanto seria o piso colocado no estádio, que teria custado valor elevado aos cofres públicos. Assim, não é possível efetuar agendamentos para utilização do espaço. Durante visita da equipe do portal Nominuto.com ao local, encontramos um grupo de crianças jogando bola do lado de fora do ginásio.

Segundo Chagas Catarino, existem planos de montar uma escolinha de futebol no local. A estimativa, informa, é de que ela seja inaugurada no final de setembro. “Esperamos atender cerca de 5 mil crianças entre 8 e 15 anos com aulas de futebol, todos os sábados”, diz.

Ainda para o secretário, a abertura do ginásio ao público poderia gerar espécie de desordem. Do lado de fora, algumas lâmpadas foram roubadas e paredes pichadas. “Não podemos abrir um ginásio desse porte. Ele é exclusivo para eventos e competições. Logo ali ao lado tem uma quadra que pode ser utilizada por quem quer bater bola”.

Em agosto, o Nélio Dias sediou partidas como a eliminatória de futsal dos Jogos Estudantis do estado (JERNs) e da Federação de Futsal. Recentemente também jogaram ali as seleções de vôlei feminino do Brasil e do Japão. Para setembro, os Jogos Escolares Municipais e a Taça Brasil de Clubes Sub-17 de Futsal.

O ginásio Nélio Dias, da Zona Norte, é o mais recente espaço do tipo administrado pelo Município, tendo sido inaugurado em dezembro de 2008. A obra custou, ao todo, mais de R$ 20 milhões aos cofres públicos. Segundo Chagas Catarino, parte destes recursos foi empregado no piso do ginásio.

Além dele, a administração municipal é responsável por outros dois ginásios: o Machadinho e o Palácio dos Esportes. Ambos se encontram com problemas estruturais e de funcionamento. De acordo com o secretário da SEJEL, já está sendo planejada reforma para o Palácio dos Esportes, uma das mais antigas quadras esportivas da cidade.
A+ A-