Plataforma P-51 começa a operar na Bacia de Campos

A nova unidade tem capacidade para produzir até 180 mil barris de petróleo por dia.

Redaçao,
Felipe Dana/Petrobras
Plataforma P-51 é a primeira semi-submersível construída totalmente no Brasil.
A Petrobras informou que a plataforma P-51 começou a operar às 21h de ontem (24), dando início à produção do poço MLS-99 do campo de Marlim Sul, na Bacia de Campos.

Instalada em lâmina d’água de 1.255 metros, a 150 quilômetros da costa de Macaé, a nova unidade tem capacidade para produzir até 180 mil barris de petróleo por dia.

Primeira plataforma semi-submersível construída totalmente no Brasil, a P-51 é considerada estratégica para a manutenção da auto-suficiência brasileira em petróleo. De acordo com nota da Petrobras, a plataforma também será fundamental para o aumento da oferta de gás ao mercado brasileiro.

Com capacidade para comprimir 6 milhões de metros cúbicos do produto, ela integra o Plano de Antecipação da Produção de Gás Natural (Plangás), criado para reduzir a dependência externa desse combustível.

A P-51 faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e sua construção gerou 4 mil empregos diretos e 12 mil indiretos. O investimento total na unidade foi de aproximadamente US$ 1 bilhão.

* Fonte: Agência Brasil
A+ A-