Greve: sindicato dos bancários no RN vê com pessimismo a negociação

Negociação está acontecendo, nesse momento, em São Paulo; greve continua no Estado.

Redação,
Ana Paula Oliveira
Greve dos bancários completa 17 dias.
Pessimismo. Esse é o sentimento entre os bancários do Rio Grande do Norte em relação à negociação entre os representantes da categoria e dos bancos, programada para esta quinta-feira (16), em São Paulo.

“Espera-se que os banqueiros sentem à mesa com uma postura menos arrogante e façam proposições de caráter econômico e financeiro que seja aceitável pela categoria”, diz o presidente do Sindicato dos Bancários do Rio Grande do Norte, Liceu de Carvalho. 

Ele ressalta que a negociação só está acontecendo devido à força do movimento no Brasil. “Ontem mais de 5.400 agências estavam fechadas em todo o país”, frisa.
 
Os bancários reivindicam Plano de Cargos e Carreiras, isonomia entre os novos e antigos funcionários, recuperação das perdas e contratação imediata de bancários.

A+ A-