Novas regras são definidas para realização de colonoscopia pelo SUS

Todas as solicitações de colonoscopias com mais de seis meses de espera no Sistema de Regulação serão negadas.

Da redação, Prefeitura do Natal,
A realização de exames de colonoscopia, procedimento adotado para o diagnóstico precoce de câncer de intestino, pela rede municipal de assistência à saúde tem novas diretrizes a partir desta quarta-feira (22). A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou a nota técnica nº 03/2017 no Diário Oficial do Município de hoje, com as novas regras para a solicitação e realização do exame.

Conforme o documento, todas as solicitações de colonoscopias feitas no município serão reguladas apenas com a comprovação de teleconsultoria e autorização do Telessaúde-RN, programa que fornece apoio assistencial e consultoria aos profissionais de saúde. Sendo autorizado o exame, o médico solicitante deve entregar a guia de referência do paciente ao serviço de regulação municipal.

As novas regras foram definidas pelos departamentos de Atenção Básica (DAB) e de Regulação e Auditoria (DRAC) da SMS após a constatação de inúmeras solicitações em fila de espera sem dados clínicos suficientes que justifiquem a sua regulação de forma criteriosa. Atualmente, há cerca de quatro mil solicitações em aberto no município de Natal.

Além disso, a partir de hoje, todas as solicitações de colonoscopias com mais de seis meses de espera no Sistema de Regulação (Sisreg) serão negadas sob a justificativa de reavaliação do quadro clínico dos pacientes em suas unidades de saúde de referência.
Tags: regras
A+ A-