Sãogonçalenses vão procurar o senador Styvenson

Alexandre Cavalcanti,

Importantes segmentos da sociedade de São Gonçalo do Amarante, Região Metropolitana de Natal, vão tentar junto ao senador Styvenson Valentim, do Podemos, um exame mais detalhado da proposta do prefeito de São Gonçalo, Paulo Emídio(PR), para contrair um empréstimo no valor de 34 milhões de dólares.

Representantes da comunidade de São Gonçalo do Amarante vão pedir ao senador Styvenson, ex-capitão da lei Seca, que peça vistas do processo para uma maior análise. Os sãogonçalenses dizem que o empréstimo não faz nenhum sentido para um município, colocado entre os que mais arrecadam no Estado do Rio Grande do Norte.

O vereador Thiago Soares, do PTC, lembra que o município tem um orçamento superior a 600 milhões de reais, fora o excesso de arrecadação. Diz, ainda, que o empréstimo em dólar irá inviabilizar, pelo menos, as próximas quatro administrações.


Pedro Henrique é o nome mais forte em Pedra Grande

Alexandre Cavalcanti,

 O nome do vereador Pedro Henrique figura entre os  mais importantes nas articulações para a disputa da prefeitura de Pedra Grande, na Região do Mato Grande, no ano que vem. 

Pedinho tem trânsito livre entre os principais partidos do Município e nos últimos dias surgiram insistentes versões de uma suposta composição com lideranças políticas da Praia de Exu Queimado. O fato é que o grupo que se fortalece a cada dia conversou, em Natal, na presença do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB)



Prefeitos reagem contra Proedi de Fátima

Alexandre Cavalcanti,

O programa de estímulo industrial, Proedi, da governadora Fátima Bezerra (PT), vai gerar um grande prejuízo aos municípios do Estado. Só de ICMS, Natal vai perder 2 milhões; Guamaré, 1 milhão; Mossoró, quase 900 mil; e São Gonçalo do Amarante perde 300 mil reais.

O ex-vice-governador Fábio Dantas, do Solidariedade, disse que isso só acontece porque a governadora não faz o dever de casa para estancar o rombo das contas públicas. "É um verdadeiro absurdo".

Os prefeitos do Rio Grande do Norte estão se organizando para pressionar o governo. A idéia derrubar esse Proedi.


Ronaldo Venâncio é o novo prefeito de Ceará-Mirim

Alexandre Cavalcanti,

O presidente da Câmara, vereador Ronaldo Venâncio, já é o novo prefeito do Município de Ceará-Mirim. A posse aconteceu, ontem à noite, após comunicação do Tribunal Regional Eleitoral. Ronaldo assume a vaga do então prefeito Marconi Barreto, cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Manoel Vieira que era o vice-presidente da Câmara, assumiu a presidência do Poder Legislativo. A Justiça Eleitoral ainda não marcou a data das eleições suplementares o que deve acontecer nas próximas horas.


TRE recebe acórdão da cassação de Marconi Barreto

Alexandre Cavalcanti,

Acaba de chegar O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte o acórdão da decisão do Tribunal Superior Eleitoral que cassou o prefeito Marconi Barreto, de Ceará-Mirim. O presidente da Câmara, Ronaldo Venâncio, deve ser empossado imediatamente.

O TRE deve, também, marcar eleições suplementares. São candidatos, além do próprio Ronaldo, Marcílio e Júlio César, ex-homem forte do ex-governador Robinson Faria.

Há informações de articulações políticas que podem levar a uma composição do empresário Marcílio com o ex-prefeito Antônio Peixoto.


Mesmo cassado, Marconi continua como prefeito

Alexandre Cavalcanti,

Só acontece no Brasil. Desde o dia 22 de agosto que o senhor Marconi Barreto, prefeito de Ceará-Mirim, região Metropolitana de Natal, foi cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral. Até agora, entretanto, mesmo sendo uma decisão em última instância, o prefeito continua no cargo.

Ronaldo Venâncio, vereador presidente da Câmara Municipal, que deveria já ter assumido o posto de prefeito, permanece aguardando e só Deus sabe quando vai acontecer a sua posse. Isso tudo porque o acórdão ainda nao foi publicado, o que deveria ter sido automático.


Imprensa denuncia manobra para beneficiar empresa de iluminação

Alexandre Cavalcanti,

Imprensa de Assú destaca em manchete a associação das prefeituras de São Gonçalo do Amarante e Assú, ambas do PR, para aquisição de material de iluminação pública em uma única empresa fornecedora: a Magnum Soluções em Gestão Eireli, fundada em 2017 e que dois anos depois já fecha um contrato de 10 milhões de reais.

O que chamou a atenção da imprensa teria sido a diferença de preços entre a licitação promovida pela Prefeitura de São Gonçalo do Amarante e uma outra realizada pela Prefeitura de Apodi, na região Oeste do Estado.

Segundo matéria dos blogs "VT" e " Rabiscos de Samuel Júnior", a diferença é gritante. Os preços praticados pela Prefeitura de Apodi correspondem a um terço do que foi licitado pela Prefeitura de São Gonçalo do Amarante.

A imprensa de Assú desconfia de manobra das duas prefeituras, - a de São Gonçalo e a de Assú -, ambas do Partido da República, para beneficiar a Magnum Soluções. 

Os prefeitos Paulo Emídio(PR), o Paulinho da Habitação, de São Gonçalo do Amarante, e Gustavo Soares (PR), de Assú, são liderados do deputado federal João Maia, presidente Estadual do PR.


Ministério Público investiga pregão de iluminação em São Gonçalo

Alexandre Cavalcanti,

O Ministério Público Estadual investiga denúncias de superfaturamento no pregão promovido pela Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante, no valor de 5 milhões de reais, para aquisição de material de iluminação pública. A denuncia foi protocolada em Assú, distante 200 quilômetros de São Gonçalo. Motivo: A Prefeitura de Assú aderiu ao certame.

Segundo as denúncias, os valores praticados estariam bem acima dos preços de mercado. Os denunciantes entregaram farto material comprobatório de possíveis irregularidades. Ainda, segundo a denúncia, as duas prefeituras envolvidas no pregão, - São Gonçalo e Assú -, são do PR, partido presidido no Estado pelo deputado João Maia.


Dono do cabaré foi nomeado para Câmara de Natal

Alexandre Cavalcanti,

O dono do mais importante cabaré do Estado, o Senzala, foi nomeado para um cargo comissionado na Câmara Municipal de Natal. A repercussão nas redes sociais obrigou a demissão de Amy Trajano imediatamente.

A Mesa Diretora da Câmara distribuiu uma nota confirmando a nomeação e demissão de Amy. Esclareceu, entretanto, que o dono do Senzala foi uma indicação do vereador Ranieri Barbosa, ex-presidente da Casa.

O assunto ganhou as manchetes de todos os blogs. No início da tarde, chegou a informação que a nomeação foi do filho Amy e não do pai, proprietário da boate 


Políticos de Parnamirim não acreditam na candidatura de Andréa Ramalho

Alexandre Cavalcanti,

A classe política de Parnamirim ainda não tomou conhecimento da candidatura da ex-primeira dama de Natal, Andréa Ramalho, mulher de Carlos Eduardo Alves (PDT), a prefeita do município. O prefeito Taveira, pelo menos, não trabalha com essa possibilidade.

A conversa que circula em Parnamirim diz respeito a candidatura de Carlos Eduardo a vereador em Natal, numa aliança com o MDB, do prefeito Álvaro Dias.

Circulam também informações, segundo as quais, o prefeito Taveira teria tirado a conta de publicidade de uma agência do irmão de Carlos Eduardo e, ainda, fechado a conta de combustíveis do posto que pertence a outro irmão do ex-prefeito de Natal. Essas duas decisões teriam desagradado Carlos Eduardo.

Não há dúvidas, entretanto, da força eleitoral do ex-prefeito de Natal no terceiro mais importante municipio do Estado. Carlos herdou a liderança do seu pai, Agnelo Alves, duas vezes prefeito de Parnamirim.


Gustavo Carvalho cobra coerência e responsabilidade do Governo

Alexandre Cavalcanti,

O deputado Gustavo Carvalho (PSDB) cobrou responsabilidade do governo Fátima Bezerra (PT), coerência dos deputados estaduais governistas e alfinetou os deputados federais do Rio Grande do Norte que pregam uma coisa em praça pública e fazem outra totalmente diferente.

Gustavo falou no Plenário da Assembléia em defesa da reforma da Previdência: O Rio Grande do Norte tem um déficit de 130 milhões/mês na folha de aposentados e pensionistas. "Daqui a pouco o Estado não suportará mais esse rombo. Ou melhor já não suporta agora", disse o parlamentar tucano.

O deputado defendeu a venda de 100% da Caern - Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte. Parabenizou setores do governo que já admitem a venda de 49% da Companhia, mas defendeu a sua total privatização. Citou o exemplo positivo da venda da Cosern, no governo Garibaldi Alves Filho.

Gustavo já anunciou o seu voto favorável à reforma da previdência do Estado, mas cobrou coerência da bancada governista. " Precisamos ter responsabilidade e coerência. O discurso tem que ser o mesmo, durante a campanha e no exercício do mandato.


Ruben Mariz nega candidatura a prefeito

Alexandre Cavalcanti,

O advogado Ruben Antônio Mariz, neto do senador Dinarte Maria e filho do ex-deputado Wanderley Mariz, disse, agora há pouco, que não tem militância política e que não são verdadeiras as informações sobre uma possível candidatura a prefeito de Natal. Rubinho tem domicílio eleitoral em Brasília.

Profissionalmente, já advogou para as campanhas Dilma Roussef e Meirelles, além de candidaturas  do PSDB, DEM e Psol, mas não tem nenhum interesse pela política partidária. Suas atividades profissionais estão voltadas para fundos de investimentos.


Thiago denuncia golpe contra São Gonçalo

Alexandre Cavalcanti,

A sede do Município de São Gonçalo do Amarante, região Metropolitana de Natal, foi saneada em quase sua totalidade, - algo em torno de 90% -, ainda nas administrações do então prefeito Poti Júnior. No mesmo período, a Prefeitura pavimentou e iluminou todo o bairro Novo São Gonçalo, mais de 100 ruas no Golandim, e, ainda, em Jardim Lola e comunidades da Zona Rural. Poti pavimentou, também, os trechos São Gonçalo/Guanduba e Bela Vista/Poço de Pedras.

O levantamento é do vereador Thiago Soares para mostrar que o Município tem condições de fazer obras e melhorar a qualidade de vida da população sem fazer qualquer transação financeira nociva aos interesses de São Gonçalo. "Esse empréstimo em dólar é um dos maiores absurdos. É um golpe contra a economia do povo de São Gonçalo".

-Vão passar a perna em nosso município. Só para começar o empréstimo é em dolar  e o Município vai receber o dólar a R$ 3.50. Hoje o dólar está a R$ 4,28. Só aí, já registramos um prejuízo de mais de 70 centavos por dólar. A conta é simples: supera os 20 milhões de reais. E na hora do pagamento vamos ter que pagar pelo preço do dólar do dia".

O vereador Thiago Soares estuda uma medida legal para impedir o que considera o maior golpe financeiro da história de São Gonçalo do Amarante. " Esse empréstimo vai quebrar o nosso município e inviabilizar as futuras administrações", disse o vereador do PTC.


Vereador: A Prefeitura de São Gonçalo não merece crédito

Alexandre Cavalcanti,

Um governo que gasta mais de 100 milhões de reais em uma adutora e não entrega; gasta mais de 1 milhão em um parque ecológico e também não entrega, merece um crédito de 34 milhões de dólares?". A indagação é do vereador Thiago Soares(PTC), umas das vozes contrárias a autorização para que a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante contrate um empréstimo com organismos internacionais.

-Todos nós sabemos que essa proposta passa pelo Senado e que o governo brasileiro é o avalista. O governo federal é avalista, mas se a Prefeitura não pagar, as parcelas em atraso serão descontadas do FPM - Fundo de Participação dos Municípios".

-Continuo afirmando que esse empréstimo é nocivo aos interesses do nosso Município. Os vereadores que voltarem a favor dessa autorização, serão cobrados em praça pública já no próximo ano.

A Câmara vota hoje em definitivo a autorização para que o prefeito Paulo Emídio(PR), o Paulinho da Habitação, contrate um empréstimo de 34 milhões de dólares. O município de São Gonçalo é o quarto mais rico do Estado 


PSDB tem cacife político, mas não eleitoral

Alexandre Cavalcanti,

O PSDB não tem cacife eleitoral para compor uma chapa majoritária, em Natal, com vistas ao pleito municipal de 2020. Pode até ter cacife político, - tem a presidência da Assembléia e da Câmara Municipal -, mas carece de poderio eleitoral.

Essa avaliação é de experientes observadores políticos da Capital, segundo os quais, o nome do candidato a vice do prefeito Álvaro Dias (MDB) deve ser apresentado pelo ex-prefeito Carlos Eduardo, do PDT.

Do outro lado, o PT que não tem sequer candidato a prefeito, ainda não parou para pensar no vice. O nome para enfrentar Álvaro Dias tem tirado o sono da governadora Fátima. Mineiro e Natália Bonavides, os mais citados, parecem sem apetite.


Solidariedade começa a formar chapa para 2020

Alexandre Cavalcanti,

Começam as articulações para formatação das chapas proporcionais com vistas ao pleito do próximo ano. O exemplo das últimas eleições, quando quase todos os partidos passaram dificuldade, serviu como alerta.

O Solidariedade, do deputado Kelps Lima, saí na frente e já começa a se movimentar. Ao lado de Abrão Lincoln, que deixou o PRB,  Kelps abonou a ficha de filiação de Gabriel Negreiros, candidato a vereador, em 2020.



Paulinho passa o rolo compressor e aprova autorização para empréstimo

Alexandre Cavalcanti,

A base governista passou o rolo compressor e aprovou, por 15 votos a 2, a autorização para que o prefeito Paulo Emídio (PR), o Paulinho da Habitação, de São Gonçalo do Amarante,  contrate um empréstimo no valor de 34 milhões de dólares com organismos internacionais. Os vereadores Thiago Soares (PTC) e Tarcísio Fernandes (PSD), os únicos da oposição, afirmam que o empréstimo inviabiliza as futuras administrações e desconfiam que a motivação é simplesmente pela proximidade das eleições.

Corajosos e sorridentes, os vereadores governistas não deram bolas para a população que se posicionou nas galerias da Câmara Municipal para acompanhar a votação. Na prefeitura, assessores próximos ao prefeito Paulo Emídio, comemoravam a aprovação, enchiam o peito e diziam em alto é bom som: "manda quem pode e obedece quem tem juízo".

Ainda, na Câmara, os vereadores da base não conseguiam esconder a satisfação. "Com todo esse dinheiro, fica difícil aparecer alguém para enfrentar Paulinho nas próximas eleições", avaliavam os mais afoitos, sem, no entanto, mostrar qualquer preocupação com as várias das galerias.


Vereador denuncia empréstimo em dólar em fim de mandato

Alexandre Cavalcanti,

O município de São Gonçalo do Amarante, região Metropolitana de Natal, pode amanhecer a terça-feira com uma dívida de quase cinquenta milhões de dólares. A Câmara Municipal vota hoje, segunda-feira, em regime de urgência urgentíssima, a autorização para a Prefeitura contratar o empréstimo junto a organismos internacionais.

O vereador Thiago Soares, do PTC, diz que o prefeito Paulo Emídio (PR), o Paulinho da Habitação, vai inviabilizar as futuras administrações pelos próximos 20 anos. O empréstimo, segundo o vereador, tem como garantia o FPM - Fundo de Participação Municipal - creditado na conta da prefeitura nos dias 10, 20 e 30 de cada mês.

O vereador que vem se notabilizado por posições firmes e coerentes, diz que São Gonçalo, o quarto município mais rico do Estado, com um orçamento beirando os 600 milhões de reais, não precisa desse empréstimo e, principalmente, no último ano de mandato do atual prefeito.

Thiago Soares defende que nenhuma transação financeira pode ser feita no apagar das luzes do mandato de nenhum prefeito. Thiago chama a atenção para o fato das proximidades das eleições. "Nós, vereadores, temos a responsabilidade de não aprovar essa autorização.

Para o vereador Thiago Soares, caso os vereadores da base governista autorizem a contratação do empréstimo estarão inviabilizando "o nosso município pelos próximos 20 anos. Os próximos quatro prefeitos serão meros administradores de uma massa falida".

A mensagem do executivo diz que o empréstimo servirá para pavimentação de ruas e saneamento básico. 


PSL pode ter candidato a prefeito de Natal

Alexandre Cavalcanti,

O advogado Ruben Antônio Mariz, neto do senador Dinarte Mariz e filho do ex-deputado Wanderley Mariz, é o nome do PSL para disputar a prefeitura de Natal, nas eleições do próximo ano. O partido do presidente da República, Jair Bolsonaro, aposta na juventude e na capacidade de Rubinho, um jovem advogado sem militância política, mas que trás na bagagem a vontade de servir e o  sobrenome que marcou época noa cenários da política estadual e nacional.

As conversas políticas para viabilizar o projeto do PSL estão bastante alcançadas. O Partido precisa crescer no Estado e no Brasil. Daí, o interesse em disputar eleições em boa parte dos 5.500 municípios brasileiros, priorizando os principais colégios eleitorais em cada Estado.



É preciso seguir o dinheiro

Alexandre Cavalcanti,

A Câmara Municipal de São Gonçalo do Amarante parece desconhecer o seu papel constitucional: fiscalizar os atos do Poder Executivo, independente de quem seja o inquilino do momento. Ao contrário do que a população espera, o Poder Legislativo Municipal assiste o crescimento da onda de terror. 

Enquanto aprovam requerimentos para troca de lâmpadas, sorridentes, os vereadores esquecem de seguir o dinheiro: o orçamento geral do município beira os 600 milhões de reais. Se observarmos, o excesso de arrecadação, essa conta ultrapassa os 700 milhões de reais.

Agora mesmo a Câmara vai analisar uma solicitação de autorização para a prefeitura contratar mais um empréstimo bancário. Ninguém, - são raríssimas as exceções -, percebe que o município está a cada dia mais próximo do fundo do poço.

O resto é:  "xote, maracatu e baião, tudo isso eu truce no meu matulão",  como diria o saudoso mestre Luis Gonzaga.

1-20 de 1382