Álvaro Dias pode deixar o MDB

Alexandre Cavalcanti,

A disputa pelo comando do MDB, entre os primos Walter e Henrique Eduardo Alves, pode apressar o processo de definição do prefeito Álvaro Dias (MDB), de Natal, por um novo partido. Bem colocado para disputar um novo mandato, Álvaro só precisa decidir mesmo no próximo ano, seis meses antes das eleições.

Em princípio, o PDT, do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves, seria o caminho natural. A relação entre o ex e o atual não anda lá muito bem. Carlos queria a mulher, Andréa Ramalho, na secretaria de Trabalho, o coração político do governo Municipal. Álvaro fez ouvido de mercador e arranhou o relacionamento. Nada tão grave que não possa ser superado.

O problema maior estaria na posição do partido, em Brasília, contra a reforma da Previdência e outras medidas de ajuste fiscal do governo Jair Bolsonaro. Isso poderia dificultar a conquista de recursos novos para Álvaro deslanchar nesses dois últimos anos. Oi

Tags: Álvaro Disputa MDB
A+ A-